Adeus a Marília Mendonça: corpo é levado em carro aberto a cemitério

Enterro será no Cemitério Parque Memorial, em Goiânia. Fãs prestam a última homenagem

atualizado 06/11/2021 18:01

Vinícius Schmidt/Metrópoles

Goiânia – Os corpos de Marília Mendonça, 26 anos, e de seu tio e assessor, Abicieli Silveira Dias Filho, deixaram o Ginásio Goiânia Arena, por volta das 17h, e seguiram em carro aberto do Corpo de Bombeiros para o Cemitério Parque Memorial, onde serão sepultados em cerimônias reservadas a familiares e amigos mais próximos. Quem não conseguiu ir ao velório, no início da tarde deste sábado (6/11), foi às ruas dar o último adeus à Rainha da Sofrência.

Além de parentes, amigos mais próximos da artista acompanharam o cortejo na viatura da corporação militar, a exemplo das duplas Maiara e Maraisa e Henrique e Juliano.

Veja vídeo e imagens do cortejo:

0
Velório

Mesmo com uma tarde muito quente na capital de Goiás, os admiradores da artista não desistiram de prestar uma última homenagem durante o velório, que foi aberto ao público.

A mãe da cantora, Ruth Dias, estava muito emocionada. Murilo Huff, pai do filho de Marília, chegou a passar mal e precisou ser amparado. Também compareceram ao velório artistas conhecidos como Maiara & Maraisa, Henrique & Juliano, Jorge (da dupla Jorge & Matheus), Mateus (da dupla Mateus e Kauan), Fernando (da dupla com Sorocaba), Naiara Azevedo, Luísa (dupla Luísa & Murilo), João Neto & Frederico, Felipe Araújo e João Reis, pai de Cristiano Araújo. O governador de Goiás Ronaldo Caiado (DEM), também esteve no ginásio..

Veja imagens do velório de Marília Mendonça:
0
Fãs cantam Marília na saída do velório

Após passarem pelo corredor e terem contato visual com o caixão, muitos fãs entoaram em coro os clássicos da Rainha da Sofrência do lado de fora. Perto do caixão, a dupla Henrique & Juliano entoou Flor e Beija-flor e foi acompanhada pelos presentes. Veja os dois momentos nos vídeos abaixo:

Acompanhe a cobertura do Metrópoles no velório de Marília Mendonça:

Veja imagens do entorno do local:
0
Flores e coroas

Durante a comovente despedida, dezenas de coroas de flores foram deixadas perto do caixão da cantora. Os organizadores tiveram de improvisar um espaço para acomodar todas as ornamentações. Confira no vídeo abaixo:

Integrantes de fã-clubes estavam extremamente emocionados, mas tiraram forças para demonstrar todo o amor por Marília. A auxiliar de serviços gerais Arislane Curado da Conceição, 26 anos, recebeu um vídeo especial da cantora há dois meses e tatuou na panturrilha direita um trecho da música “A Culpa É Sua” .

“Eu moro no quarto andar e, quando vi o vídeo pelo WhatsApp, eu saí gritando. Fiquei desesperada, muito feliz. Marília é a minha diva. Ela é a companheira da minha sofrência todinha. Tenho a mesma idade que ela e nossas histórias são muito parecidas”, conta Arislane.

Queda

Marília morreu em um acidente aéreo na sexta-feira (5/11), entre 14h e 14h30, na cidade mineira de Caratinga, onde ela ia realizar um show. Com ela estavam, além do tio, Henrique Ribeiro, produtor; Geraldo Martins de Medeiros Júnior, 56 anos, piloto; e Tarciso Pessoa Viana, 37 anos, copiloto.

 

Torre

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) informou que o avião que transportava a cantora e mais quatro pessoas bateu em cabos de energia de uma torre de transmissão antes de cair perto de uma cachoeira próximo ao aeroporto de Caratinga (MG).

“A Cemig informa que o avião bimotor que transportava a cantora Marília Mendonça e outras quatro pessoas atingiu um cabo de uma torre de distribuição da Companhia no município de Caratinga”, diz a empresa. A aeronave teria perdido a estabilidade depois de bater na torre.

Confira mais fotos da cantora sertaneja:
0

 

 

Causas

A informação revelada pela Cemig deverá ajudar na investigação das causas da queda do avião, que será feita pelo Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), órgão da Força Aérea Brasileira (FAB).

“Investigadores do Terceiro Serviço Regional de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Seripa 3), localizado no Rio de Janeiro (RJ), órgão regional do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), foram acionados para realizar a ação inicial do acidente envolvendo a aeronave de matrícula PT-ONJ, nessa sexta-feira (5/11), em Caratinga (MG)”, informou a FAB ao Metrópoles.

Na ação inicial feita pelo Cenipa, os investigadores identificam indícios, fotografam cenas, retiram partes da aeronave para análise, ouvem relatos de testemunhas e reúnem documentos. “Não existe um tempo previsto para essa atividade ocorrer, dependendo sempre da complexidade da ocorrência”, explicou a FAB.

Carreira

Marília Mendonça morreu no auge da carreira. Ela é bastante conhecida pelas músicas chamadas de “sofrência” e considerada uma das principais representantes do “feminejo”, ao lado de artistas como Maiara e Maraísa (de quem é muito próxima desde o começo da carreira) e Simone e Simaria.

Além de cantora, Marília também é compositora de outros nomes famosos do universo sertanejo. Composições dela já foram gravadas por nomes como Jorge e Mateus, Henrique e Juliano e Zé Neto e Cristiano.

Mais lidas
Últimas notícias