Blog com notícias, comentários, charges e enquetes sobre o que acontece na política brasileira. Por Ricardo Noblat e equipe

18 anos Blog do Noblat

Uma semana tensa para o PT, com pesquisas eleitorais menos favoráveis

Campanha de Lula estagnou nos últimos dias, enquanto Bolsonaro surfou no noticiário

atualizado 14/08/2022 21:58

Lula Reprodução

Essa é uma semana que nada promete ao PT. Serão dias, até sexta-feira, de notícias não tão agradáveis. Vem aí, começando nesta segunda, rodadas de pesquisa que irão mostrar que a diferença de Lula para Bolsonaro caiu. E bem.

Nada que impeça a vitória do petista na corrida ao Palácio do Planalto. Mas se faltava algum recado para sinalizar que nada está ganho, essa semana não deixará mais dúvida sobre. E que as chances de vitória no primeiro turno praticamente evaporaram.

Hoje, sai mais uma rodada do Ipec, antigo Ibope. Na última, Lula aparecia com acomodados 48% contra 21% de Bolsonaro. Dava o petista no primeiro turno. Mas ninguém mais acredita que essa diferença de 27% se repita. Se vier 15% a mais para Lula, o PT irá celebrar.

Nesta segunda ainda terá pesquisa do BTG/FSB.

Na quarta tem Genial/Quaest e um dia depois, na quinta, o Datafolha, o instituto referência para a classe política.

O último Datafolha, no final de julho, mostrou uma diferença de 18 pontos percentuais a favor de Lula: 47% a 29%. Vitória no primeiro turno.

No PT, o desejável era que essa diferença caísse na margem de erro, de dois pontos. Assim, Lula cairia para 45% e Bolsonaro subiria para 31%. Diferença de 14 pontos. Mas o cenário pode ser pior para Lula e acender de vez o sinal vermelho na campanha petista, que anda meio paralisada nos últimos dias, vendo Bolsonaro surfar no noticiário.

No nicho bolsonarista, se fala em uma diferença do petista de, no máximo, dez pontos.

A conferir.

Últimas do Blog