metropoles.com

Lula

Guga Noblat

Imagem colorida do presidente Luiz Inácio Lula da Silva - Metrópoles

“Sou do tempo em que artista de cinema, novela, não é para ensinar putaria. É para ensinar cultura, contar história, e não para dizer que queremos ensinar às crianças coisas erradas. A gente quer fazer o que se chama arte. Quem não quiser entender o que é arte, dane-se”.  (Lula)

Lula

Guga Noblat

“Um presidente do Banco Central sem capacidade de ser autônomo, que tem lado político, e que na minha opinião, trabalha muito mais para prejudicar o país do que para ajudá-lo”. (Lula, sobre o economista Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central)

Ordem dos Advogados do Brasil

Guga Noblat

Pedestre passa pela fachada do prédio da OAB DF na w3 norte

“Quando uma criança/mulher violentada não consegue acesso à Rede Pública de Saúde, sendo obrigada a levar a gestação indesejada adiante e pondo em risco sua vida, resta comprovado que falharam o sistema de saúde pública, a sociedade e o Estado.” (Ordem dos Advogados do Brasil)

Kylian Mbappe

Guga Noblat

Kylian Mbappé da França comemora seu gol cdurante a partida final da Copa do Mundo da FIFA Qatar 2022 entre Argentina e França

“Peço aos franceses que votem contra os extremistas da direita e da esquerda que querem dividir o nosso país. Não quero vestir a camisa de um país que não representa meus valores”. (Kylian Mbappe,  craque da seleção da França que irá às urnas para eleger o novo parlamento)

Fernando Haddad

Guga Noblat

“O Brasil é uma encrenca, difícil de administrar. Às vezes, quem está numa posição de poder não está fazendo a coisa certa. Você tem país de ouro, povo de ouro, mas quem pode fazer a diferença nem sempre está pensando no interesse público.” (Fernando Haddad, ministro da Fazenda)

Janja

Guga Noblat

Janja da Silva usando Misci - metrópoles

“A cada 8 minutos uma mulher é estuprada no Brasil. O Congresso deveria trabalhar para garantir as condições e a agilidade no acesso ao aborto legal e seguro pelo SUS. Não podemos revitimizar e criminalizar essas mulheres e meninas, precisamos protegê-las e acolhê-las”. (Janja)

Lula

Guga Noblat

O presidente do Brasil, Luis Inácio Lula da Silva, fala durante a cerimônia de premiação da 18ª Olimpíada Brasileira de Matemática das escolas públicas, em 11 de junho de 2024, no Rio de Janeiro, Brasil

“A ‘mão invisível’ do mercado só agrava a desigualdade. O crescimento da produtividade não tem sido acompanhado pelo aumento dos salários, gerando insatisfação e muita polarização. Não se pode discutir economia e finanças sem discutir emprego e renda”. (Lula)

Silvio Almeida

Guga Noblat

PF O ministro dos Direitos Humanos, Silvio Almeida

“É difícil acreditar que sociedade brasileira, com os inúmeros problemas que tem, neste momento discute se um estuprador pode ser considerado menos criminoso que uma mulher estuprada. Isso é um descalabro, um acinte.” (Silvio Almeida, ministro dos Direitos Humanos)

Neca Setubal

Guga Noblat

“Eu falo em justiça social e em taxação de riqueza. A gente tem que ter um tributo progressivo. A filantropia é importante, [debater] a questão da pobreza é importante, mas isso não basta num país com tantas desigualdades.” (Neca Setubal, educadora e uma das donas do Banco Itaú)

Lula

Guga Noblat

Imagem colorida de Lula em coletiva com ministros sobre as enchentes no Rio Grande do Sul, São Leopoldo - Metrópoles

“Eu sou um dirigente sindical que nasceu no ‘tudo ou nada’. Para mim, era 100% ou nada, 83% ou nada, 45% ou nada. E muitas vezes fiquei com nada. […] O Brasil está cheio de líderes sindicais com coragem para começar uma greve, mas sem coragem para acabar”. (Lula)

Emmanuel Macron

Guga Noblat

Foto colorida do presidente da França, Emmanuel Macron com a testa franzida - Metrópoles

“Os partidos de extrema direita, que nos últimos anos se opuseram a tantos progressos na Europa, estão avançando no continente. Não posso agir como se nada acontecesse.” (Emmanuel Macron, presidente da França, que dissolveu o parlamento do seu país e convocou novas eleições)

Maria da Conceição Tavares

Guga Noblat

maria da conceição tavares

“Uma economia que diz que primeiro tem de estabilizar, depois crescer, depois distribuir é uma falácia. Não estabiliza, cresce aos solavancos e não distribui. E essa é a história da economia brasileira”. (Maria da Conceição Tavares, economista, que morreu ontem aos 94 anos)

20 anos Blog do Noblat

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comBlog do Noblat

Você quer ficar por dentro da coluna Blog do Noblat e receber notificações em tempo real?