Blog com notícias, comentários, charges e enquetes sobre o que acontece na política brasileira. Por Ricardo Noblat e equipe

18 anos Blog do Noblat

Um mês depois de sua vitória, Lula, enfim, começa a montar seu governo

Em Brasília, petista se dedicará com afinco a questões de governabilidade, do apoio no Congresso a definição do alto escalão

atualizado 27/11/2022 23:31

O presidente eleito Lula discursa na COP27, no Egito. Ele aparece sentado diante de microfone, gesticulando, ao lado de mulher negra - Metrópoles Mohamed Abdel Hamid/Anadolu Agency via Getty Images

O que esperar de Lula em Brasília nesta semana, e há pouco mais de 30 dias para sua posse? Muita coisa. Vai completar um mês que o petista venceu a eleição e seu projeto de governo é alvo de duras críticas. A festa, ao que parece, acabou.

Na capital, o presidente eleito começará a dar cara a seu governo. Nem mesmo as dezenas de pessoas que despacham no CCBB suportam as perguntas sem respostas: as dúvidas vão de quem são os mais confiáveis para ocupar os ministérios e que linhas serão adotadas em políticas diversas, como a economia.

Em Brasília, Lula vem selar o apoio do PT à reeleição de Arthur Lira à presidência da Câmara. Esse anúncio será chave para a aprovação da PEC do Bolsa Família, pontapé inicial de seu terceiro mandato.

O petista irá também se reunir com quadros de partidos diversos e vai tentar garantir de uma vez uma base sólida para sua gestão.

Os nomes para o alto escalão começarão a ser alinhados e costurados. Serão várias reuniões com a turma dos grupos temáticos da transição.

Pela primeira vez, um mês depois de sua vitória, Lula se dedicará com afinco à montagem de se governo e buscará garantias de governabilidade no  Congresso Nacional.

Últimas do Blog