Meia volta volver: Lula ainda não decidiu se será candidato

Teoricamente, ele é

atualizado 20/10/2021 9:23

A propósito de nota aqui publicada na qual disse que Lula não quer conversa com a Rede Globo de Televisão, recebi de José Chrispiniano, assessor de imprensa do ex-presidente, a seguinte mensagem:

“Não procede a coluna do Noblat sobre Lula não dar entrevistas para a Globo caso seja candidato. O ex-presidente não definiu candidatura e não fez essa discussão”.

Deduzo, portanto, que o Lula que circula por aí a reunir-se com políticos de todas as tendências, a firmar acordos com uns e outros, a confessar, como fez no Recife, que está “com o maior tesão” para derrotar Jair Bolsonaro, ainda não está certo se será candidato na eleição do ano que vem.

No fim de maio último, em entrevista à revista francesa “Paris Match”, ele declarou sobre ser ou não candidato:

“Se estiver na melhor posição para ganhar as eleições e estiver com boa saúde, sim, não hesitarei. (…) Penso que fui um bom presidente. Criei laços fortes com a Europa, América do Sul, África, Estados Unidos, China, Rússia. Sob meu mandato, o Brasil tornou-se um importante ator no cenário mundial, notadamente criando pontes entre a América do Sul, África e os países árabes, com o objetivo de estabelecer e fortalecer uma relação entre países do Hemisfério Sul e demonstrar que o predomínio geopolítico do Norte não era imutável”.

À mesma época, em entrevista à “Rádio Tiradentes”, do Amazonas, Lula afirmou:

“Teoricamente, é difícil eu dizer pra você que eu não sou candidato, porque as pesquisas demonstram que eu tenho que ser candidato”.