Blog com notícias, comentários, charges e enquetes sobre o que acontece na política brasileira. Por Ricardo Noblat e equipe

18 anos Blog do Noblat

Jereissati como vice de Simone é uma ponte do PSDB para Lula

Tucano de raiz não engole Bolsonaro

atualizado 27/06/2022 5:01

Igo Estrela/Metrópoles

Não é sobre a terceira via, mas sobre o que resultará da ausência dela. O senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) está pronto para ser o vice na chapa de Simone Tebet (MDB), candidata a presidente.

Bastará para isso que o PSDB e o MDB se entendam no Rio Grande do Sul. Cada um tem seu candidato a governador – o mais destacado deles nas pesquisas, o ex-governador Eduardo Leite.

Ocorre que o candidato do MDB se recusa a sair do páreo. O mais provável é que acabe saindo. Jereissati, então, entrará na chapa de Simone, mas não com a esperança de que ela se eleja.

Na política há décadas, Jereissati já viu o suficiente para não se deixar enganar facilmente. Sabe que as chances de Simone crescer nas pesquisas de intenção de voto são quase nenhuma.

Três vezes governador do Ceará, senador pela segunda vez em final de mandato, duas vezes presidente nacional do PSDB, o papel de Jereissati como vice será o de aproximar seu partido de Lula.

Nada de traição a Simone. Ela mesmo já admitiu que se não disputar o segundo turno apoiará quem possa derrotar Bolsonaro. Até este momento, é Lula quem poderá derrotá-lo.

Jereissati é tucano de raiz, respeitado por todas as alas do partido. Tem bom diálogo com Lula e, no passado, quase foi candidato a vice na chapa dele. Tucano de raiz não engole Bolsonaro.

A exceção é Aécio Neves (MG).

Últimas do Blog