Blog com notícias, comentários, charges e enquetes sobre o que acontece na política brasileira. Por Ricardo Noblat e equipe

18 anos Blog do Noblat

Michelle envereda por caminho perigoso e de resultado bem incerto

Primeira-dama volta a fazer ataques de fundo pseudorreligioso para atingir Lula, mas resultado eleitoral é desconhecido

atualizado 10/08/2022 13:58

Michelle Bolsonaro, primeira-dama- Metrópoles Daniel Ferreira/Metrópoles

Em duas manifestações, Michelle Bolsonaro já acumula dois dos mais virulentos ataques de bolsonaristas ao PT, a Lula e às gestões do partido na Presidência da República.

Sempre envolvendo seu fanatismo religioso, que acredita estar a favor da reeleição do marido.

Assim, Michelle envereda por um caminho perigoso – a exploração desmedida e sem controle de supostos preceitos religiosos – e cujo propósito pode ser bem incerto, o de garantir a recondução de Jair Bolsonaro ao Palácio do Planalto.

Presidente, governador e senador: veja quem são os pré-candidatos nas Eleições 2022

A primeira disparatada evocando o pseudossacro foi no domingo, num culto em Belo Horizonte (MG). Disse que o Palácio era um lugar consagrado a demônios, com cozinha consagrada a demônios, e o Planalto consagrado a demônios.

Ontem, atacou Lula e religiões de matrizes africanas ao postar um vídeo do petista em um encontro com essas lideranças. Acusou Lula de “entregar sua alma para vencer essa eleição” e postou uma legenda para as imagens: “Isso pode, né? Eu falar de Deus, não”.

As duas manifestações da primeira-dama caíram muito mal. Resta saber se essa cruzada contra Lula, nesse tom, irá continuar e se, de fato, dá votos novos a Bolsonaro ou se só está pregando para os seus.

 

Últimas do Blog