Uma mulher foi baleada pelo cunhado após brigar com o marido, que a proibia de sair de casa. O crime ocorreu na noite deste sexta-feira (10/05/19), na cidade de Esmeraldas, próxima a Belo Horizonte. O acusado escutou a briga do casal e utilizou uma arma que tinha em casa para separar a briga.

Durante a briga, a vítima teria dito que mataria o marido se continuasse a impedindo de sair de casa.  Segundo o filho do casal, o irmão do marido chegou ao local no mesmo momento. À polícia, o filho contou que escutou o pai falar que ela morreria se encostasse a mão em seu irmão.

A vítima teria dito que o cunhado não tinha coragem de fazer isso. Ao desafia-lo, ela levou 3 tiros na mão, nos ombros e no rosto. Com os tiros, o marido avançou no cunhado e levou uma coronhada. A vítima morreu no local.

Após o crime, o acusado desapareceu e, até a manhã desta sábado (11/05/19), a polícia ainda não o tinha encontrado.