Críticas ao emagrecimento de Rafa Kalimann reforçam pressão estética

Especialista aponta efeitos psicológicos de críticas feitas à ex-BBB, que não escapou de comentários maldosos

atualizado 12/05/2022 16:55

Montagem de duas fotos da ex-BBB Rafa Kalimann de biquíni vermelho na praia. Na primeira foto, ela está mais magra e de cabelo amarrado. Usa um óculos escuro. Na segunda foto, está um pouco mais gorda e usa os cabelos soltos, naturais.@rafakalimann/Instagram/Reprodução

“Ela deve estar com alguma doença” e “acabada” foram alguns dos comentários recebidos por Rafa Kalimann em uma foto no Instagram. A imagem – e talvez a roupa escolhida – ressaltou o processo de emagrecimento da ex-BBB, que perdeu 10  quilos. A repercussão acendeu o alerta para a pressão estética que as figuras públicas sofrem.

Em uma sociedade que sempre valorizou um padrão de beleza centrado na pele clara, na magreza e nos cabelos lisos, chama atenção que mesmo uma pessoa que se enquadra nessas características não esteja livre das opiniões alheias. 

A ex-BBB e apresentadora Rafa Kalimann, uma mulher de pele clara com cabelos médios ondulados, na cor castanho médio, posando para foto em um estádio de futebol. Ela usa uma blusa lilás sem alça e calça jeans clara.
A foto acima foi a responsável por reacender as críticas ao emagrecimento da ex-BBB

Segundo o psicólogo Alexander Bez, especialista em Relacionamentos pela Universidade de Miami (UM), as críticas têm a ver com a projeção no outro. “Esse mecanismo psicológico é quando um ser humano atribui a outra pessoa seus próprios sentimentos e motivações, ou seja, quando a pessoa coloca no outro aquilo que ela quer ou não quer”, afirma.

Bullying on-line

A pressão estética imposta pela sociedade acaba dando o “aval” para que pessoas opinem sobre o corpo ou o visual do outro, sem se importar se isso vai machucar ou não, explica Alexander Bez. Nesse sentido, o bullying “da escola” ganha as redes sociais. 

O psicólogo também afirma que ataques como os sofridos por Rafa Kalimann tem relação com os padrões pessoais de cada um. “Se uma pessoa já foi magra demais ou muito acima do peso – até por conta de algum problema de saúde, por exemplo –  e ela não se encontra mais assim, ao ver outra pessoa com o aspecto parecido, acaba julgando. É o próprio aparelho mental dela que faz esse julgamento”.

A dica do psicólogo para quem passar por uma situação similar é se afastar. “Tenha em mente que o destilamento do ódio faz parte do caráter de cada pessoa. Se você não compactua, simplesmente não se misture”.

0

Ainda no Instagram, Rafa Kalimann fez um post para agradecer os comentários positivos que recebeu em meio às críticas. “Dormi e acordei chorando lendo as mensagens de carinho de vocês. Não me canso de ler e precisamos enaltecer isso, para que esse seja o fluxo aqui nas redes. Que elas não sejam entregues nas mãos dos que buscam ferir, magoar, ofender”, escreveu.

Quer ficar por dentro das novidades de astrologia, moda, beleza, bem-estar e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesastrologia

Mais lidas
Últimas notícias