*

O adorável tom rosa-millennial volta a ganhar destaque nas timelines das redes sociais. Mas, se em 2017 ele vinha na decoração e em looks, neste ano colore o rose latte, uma bebida quentinha e cremosa feita à base de rosas.

Diferente dos lattes tradicionais, feitos com café expresso, o rose latte não tem cafeína na composição, o que o torna uma opção mais saudável para quem evita preparos com a substância.

Quem for a Nova York pode provar a iguaria no Blank Slate Tea. A cofundadora da casa de chás, Ashley Jaffe, explicou em entrevista ao portal New Beauty que faz um concentrado com as pétalas da flor e adiciona água de rosas para alcançar o sabor e tom desejados. A cremosidade vem da adição de leite. O estabelecimento ainda adiciona um punhado de pétalas de rosas comestíveis para decorar a xícara.

A atriz Gwyneth Paltrow, que também era uma das adeptas do golden milk (leite dourado, em tradução livre), usou o site Goop para compartilhar uma variação da receita. Confira:

1 xícara de leite de amêndoas
2 colheres (chá) de água de rosas
1 colher (chá) de baunilha
1 colher de óleo de coco
1 colher de mel

A artista finaliza a receita com frutas vermelhas.