Pele e unhas fortes: seis benefícios da suplementação de colágeno

Além de dar um up na aparência, a suplementação de colágeno promete trazer benefícios incríveis para a saúde

atualizado 22/06/2021 12:58

beleza skincareSvetikd/Getty Images

O colágeno confere firmeza e elasticidade à pele e é produzido naturalmente pelo próprio organismo. No entanto, com o avançar da idade, o corpo diminui a produção desse tipo de proteína, o que propicia o surgimento de rugas e flacidez. Para contornar essa situação e prolongar a aparência jovial de seus pacientes, muitos dermatologistas indicam a suplementação dessa substância, geralmente a partir dos 30 anos.

Além de deixar a pele mais bonita, a reposição de colágeno promete trazer benefícios incríveis para todo o organismo, de acordo com a revista Insider. Confira cada um deles abaixo!

Mantém a pele firme

Alguns estudos encontraram evidências de que a suplementação de colágeno realmente pode resgatar a jovialidade da pele.

Uma revisão de 11 estudos em 2019, por exemplo, descobriu que as reposições dessa proteína podem aumentar a elasticidade e a hidratação da pele. Embora a dosagem e os suplementos variassem, dois participantes tomaram três gramas de tripeptídeo de colágeno por quatro a 12 semanas e observaram uma melhora notável na elasticidade da cútis.

Porém, vale ressaltar que os suplementos de colágeno podem conter outros ingredientes benéficos à pele, como ácido hialurônico, vitaminas e minerais. Portanto, fica difícil dizer se o colágeno, de fato, é o principal herói dessa história.

Justamente pela ausência de estudos mais conclusivos, a suplementação dessa substância não é um consenso entre os médicos, diz o dermatologista e professor assistente clínico da Baylor College of Medicine, no Texas, Rajani Katta.

Melhora as articulações

Vários estudos sugerem que o hidrolisado de colágeno, um tipo de suplemento, pode fortalecer a cartilagem, aliviando os sintomas da osteoartrite.

Em particular, uma pesquisa de 2019 descobriu que os suplementos de colágeno diminuíram significativamente a rigidez associada a essa condição, mas infelizmente não aliviaram a dor.

0

Previne a perda óssea

O colágeno desempenha um papel importante na estrutura e densidade óssea, mas conforme você envelhece, esse osso para de se repor, o que aumenta o risco de osteoporose.

Em um estudo de 2018 com mulheres na pós-menopausa, aquelas que tomaram cinco gramas por dia de um tipo de suplemento de colágeno observaram um aumento significativo na densidade mineral óssea, o que reduz o risco de fraturas ao longo da vida.

Constrói massa muscular

O colágeno também pode promover o crescimento da massa magra.

Em uma pesquisa de 2019, participantes do sexo masculino ​​tomaram 15 gramas de peptídeos de colágeno antes de sua sessão diária de treino ou apenas fizeram musculação. Após 12 semanas, aqueles que suplementaram com colágeno tiveram um aumento maior de massa magra do que aqueles que apenas praticaram exercícios.

Fortalece as unhas

As unhas são feitas da mesma proteína encontrada na camada superior da pele, portanto não é surpresa que o colágeno também possa beneficiá-las.

Em um estudo de 2017, participantes que tomaram 2,5 gramas de peptídeos de colágeno por 24 semanas seguidas viram suas unhas crescerem 12% mais rápido e tiveram uma redução de 42% na frequência de quebras.

Eleva a saúde do coração

Estudos laboratoriais sugerem que o colágeno pode retardar o acúmulo de gorduras e colesterol que levam a doenças cardíacas.

Uma pesquisa japonesa de 2017 com doentes cardiovasculares descobriu que a ingestão de tripeptídeo de colágeno aumentou os níveis de HDL, o colesterol “bom”, e reduziu a rigidez das artérias.

Últimas notícias