Fácil e barata, água de arroz clareia e rejuvenesce a pele. Aprenda a fazer

Truque de beleza idolatrado pelas asiáticas ainda traz benefícios incríveis para os cabelos

atualizado 03/07/2020 21:06

beleza pele Cecile Lavabre/Getty Images

Íntimo dos brasileiros, o arroz está entre os alimentos mais consumidos do planeta. Esse cereal, no entanto, não é valioso apenas na hora de sentar-se à mesa. Além de seus vários atrativos nutricionais, ele é rico em nutrientes que são melhores amigos da beleza. A água extraída dele, por exemplo, é usada há séculos pelas mulheres asiáticas para cuidar da pele e dos cabelos.

Esse truque ganha destaque por não ter contraindicações, ser extremamente acessível e fácil de preparar em casa. Está ganhando fama no mundo inteiro, ainda, graças à onda de autocuidado aliada à responsabilidade ambiental, que preconiza tratamentos estéticos à base de produtos naturais.

Com a ajuda de uma tricologista e duas dermatologistas, o Metrópoles desvendou tudo que você precisa saber para incorporar essa artimanha na sua rotina de beleza.

O que é?

“A água de arroz possui propriedades riquíssimas em vitaminas B, C e E, aminoácidos e antioxidantes”, revela Laís Leonor, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica (SBCD) e integrante do corpo clínico do centro estético Dr. André Braz, no Rio de Janeiro.

agua de arroz
A água de arroz é um dos segredos de beleza das mulheres asiáticas, especialmente as da China e do Japão
Quais benefícios oferece?

Para a pele
“Atua como poderoso adstringente, ameniza poros abertos e suaviza linhas finas de expressão, aumentando a luminosidade da pele”, revela Giovana Alcântara, especialista em dermatologia natural.

Outro benefício da água de arroz, talvez o maior deles, é sua capacidade de clarear manchas da derme, uma vez que o ácido kójico, presente em famosos cremes clareadores da indústria, vem desse cereal.

“Esse ácido inibe etapas da melanogênese, processo de produção de melanina que confere cor à pele. Também atua como calmante e hidratante. Na medicina ayurdeva, ainda é utilizado como pomada para alívio de inflamações”, detalha a médica.

Para os cabelos
Segundo Kate Koetz, tricologista à frente da clínica For All Group, em São Paulo, essa receita caseira “hidrata, fortalece, diminui o frizz, estimula o crescimento e ajuda a desembaraçar os fios”.

“Todos esses benefícios são possíveis devido à ação dos aminoácidos na cutícula capilar”, informa a profissional.

Como fazer?

A receita inclui apenas dois ingredientes: arroz cru (1 xícara) e água filtrada em temperatura ambiente (3 copos). Lave bem o arroz e coloque em um recipiente com tampa. Em seguida, adicione a água. Mantenha essa mistura coberta de 24 a 48h, para que ocorra a fermentação. Depois, descarte o arroz e armazene a água em pote vedado na geladeira por até 3 dias.

Se quiser amenizar o odor da fermentação, acrescente gotas de óleo essencial de lavanda.

Qualquer tipo de arroz é válido? 

A especialista Giovana Alcantara garante que esse truque de beleza pode ser realizado com qualquer tipo de arroz. “Além do tradicional, você pode usar arrozes integrais e coloridos (negro ou vermelho). Eles têm minerais um pouco diferentes do branco, mas também trazem benefícios à pele e aos cabelos”, afirma.

Porém, para que não haja contaminação por agrotóxicos e efeitos indesejados no corpo, é válido priorizar arrozes orgânicos.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
0
Como usar?

Na pele
Com a pele limpa, aplique a água de arroz como um tônico (use um ecopad ou algodão para isso) e espere alguns minutos. Em seguida, enxágue e complete sua rotina de cuidados diários. O ideal é repetir o processo duas vezes ao dia, de manhã e à noite.

Nos cabelos
Após lavar com shampoo, aplique a água de arroz em todo o couro cabeludo, massageando com as pontas dos dedos. Deixe agir por, no mínimo, 20 minutos, e remova com água morna. Depois, aplique o condicionar como de costume ou faça uma hidratação capilar de sua escolha. Para melhores resultados, a receita deve ser usada três vezes na semana.

Existe alguma contraindicação?

As especialistas ouvidas pela reportagem dizem que não. “Mesmo com o uso de cosméticos naturais, no entanto, é importante buscar o auxílio do dermatologista para uma orientação individualizada, trazendo maior segurança e efetividade no seu tratamento”, finaliza Giovana.

Mais lidas
Últimas notícias