“Vamos superar o coronavírus juntos”, diz diretor-geral da OMS

Órgão internacional fala em "humildade" e se preocupa com saúde mental e acesso à comida e higiene pela população

Tedros Adhanom Ghebreyesus, Director-General of the World Health OrganizationPhoto: Sven Hoppe/dpa (Photo by Sven Hoppe/picture alliance via Getty Images)

atualizado 30/03/2020 13:22

Em entrevista coletiva na tarde desta segunda-feira (30/03), o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Ghebreyesus, voltou a afirmar que todos os países devem trabalhar juntos para superar o coronavírus e se mostrou preocupado com a saúde mental da população, bem como o acesso à alimentação e higiene básica.

“Os governos devem garantir o bem-estar de pessoas que perderam os seus salários e estão precisando desesperadamente de comida, produtos de higiene e outros serviços”, afirmou.

A OMS voltou a afirmar que o uso de máscaras generalizado pela população não é necessário, que não há estudos que comprovem a eficácia desse método e lembra que já há uma falta mundial desses itens.

“Quem está na linha de frente, os profissionais de saúde, precisam ter acesso às máscaras. Nossa recomendação é que não usem se não estiverem contaminados”, dizem os diretores.

“No olho de um furacão como a Covid-19, ferramentas científicas e de saúde pública são essenciais, assim como humildade e bondade. Com solidariedade, humildade e assumindo que o outro está dando seu melhor, nós podemos, e iremos, passar por isso juntos”, diz Ghebreyesus.

Últimas notícias