“Não me deixa morrer”: pedido de mulher de 30 anos com Covid-19 viraliza

Publicação feita pelo médico Iago Polo no Twitter chama atenção para a seriedade da doença, que pode afetar pacientes de qualquer idade

atualizado 09/12/2020 14:45

médico iago polo viraliza depoimento sobre paciente no twitterArquivo pessoal/via BBC

Muito associada a pacientes idosos, especialmente no início da pandemia, a gravidade da infecção causada pelo coronavírus também pode ser severa para pessoas jovens. Uma publicação feita no último sábado (5/12) no Twitter ilustrou bem essa realidade.

No post, o médico Iago Polo, que atende na região metropolitana de São Paulo, contou como uma paciente, de 30 anos, reagiu antes de ser entubada: “não me deixa morrer”, teria dito a mulher.

Até o dia de hoje (09/12), o tuíte já contabilizava mais de 78 mil curtidas e 4 mil retuítes (quando um usuário republica o post em seu próprio perfil). Em entrevista à BBC Brasil, Iago afirmou ter ficado impactado pela declaração da paciente. “Vou levar essas palavras comigo para sempre”, disse.

Para ele, o episódio foi um dos mais tristes que viveu desde o início da pandemia de Covid-19. Até esta quarta-feira (9/12), o Brasil registrava 178,1 mil mortes por Covid-19 e 6,6 milhões de casos confirmados.

Em setembro, uma compilação feita pelo (M)Dados, núcleo de jornalismo de dados do Metrópoles, mostrou que a proporção de jovens entre os infectados pelo coronavírus vinha crescendo, especialmente nos últimos meses, em duas faixas etárias: brasileiros de 6 a 19 anos e de 20 a 29.

Em maio, dos mais de 79 mil novos infectados, 4,3% tinham entre 6 e 19 anos e 16,3%, entre 20 a 29. Um mês depois, as taxas subiram para 6,2% e 17,7%, respectivamente. No cenário de setembro, os números chegaram a 7,3% e 18,7%.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
Publicidade do parceiro Metrópoles 4
Publicidade do parceiro Metrópoles 5
0

Mais lidas
Últimas notícias