FDA faz alerta sobre inflamação do coração às vacinas Pfizer e Moderna

Reações foram observadas em jovens com idade entre 12 e 24 anos. A CDC destaca que os benefícios na prevenção da Covid-19 superam os riscos

atualizado 24/06/2021 10:08

Vacina Moderna Covid-19Luka Dakskobler/SOPA Images/LightRocket via Getty Images

A agência Food and Drug Administration (FDA, na sigla em inglês), dos Estados Unidos, informou que adicionará um alerta às fichas técnicas das vacinas contra Covid-19 produzidas pela Pfizer/ BioNTech e Moderna sobre casos raros de inflamação cardíaca em adolescentes e jovens adultos.

O Centro de Controle e Prevenção de Doenças (CDC, na sigla em inglês) dos EUA investiga casos de inflamação do coração após a aplicação das vacinas – principalmente entre homens jovens, com idades entre 12 e 24 anos – há alguns meses.

Os grupos consultivos do CDC descobriram que a inflamação encontrada em pessoas desta faixa etária está provavelmente ligada às vacinas, mas a agência ainda não confirmou uma relação causal e destaca que os benefícios das injeções na prevenção da Covid-19 compensam o risco.

Segundo o CDC, as pessoas que desenvolvem a inflamação do coração após a vacina geralmente se recuperam dos sintomas e passam bem.

Agência reguladoras de vários países investigam se os imunizantes desenvolvidos com a tecnologia de mRNA podem apresentar o risco à população.  (Com informações de agências internacionais)

Saiba como as vacinas contra Covid-19 atuam:

0

 

Mais lidas
Últimas notícias