Conheça seis recomendações do Inca para prevenir o câncer de intestino

Instituto Nacional do Câncer ensina que pequenas mudanças na rotina podem evitar 30% dos casos da doença

atualizado 03/03/2022 11:56

Câncer no intestinoMohammed Haneefa Nizamudeen, Istock

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de intestino atinge cerca de 40 mil pessoas por ano no Brasil. A neoplasia é a terceira mais comum no país, e é caracterizada por tumores que se iniciam em uma parte do intestino grosso chamada de cólon, ou no final do órgão, região conhecida como reto.

Outros nomes para a doença são câncer de cólon, ou colorretal. O mês de março, dentro de uma campanha chamada Março Azul-marinho, é dedicado à divulgação de informações sobre a doença. Se detectado precocemente, o câncer de intestino é tratável e o paciente pode ser curado.

O mais comum é que os tumores detectados nessa região surjam a partir da presença de pequenas lesões benignas nas paredes do intestino (pólipos).

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
Publicidade do parceiro Metrópoles 4
0

O Inca ensina que, para prevenir que a doença se desenvolva, é importante fazer pequenas mudanças na rotina do dia a dia. Algumas dicas simples podem evitar até 30% dos casos de câncer do intestino, segundo o órgão.

Confira:

– Apostar em uma alimentação rica em vegetais;
– Limitar carnes vermelhas a até 500 gramas por semana;
– Evitar carnes processadas;
– Manter a vida ativa;
– Manter o peso corporal dentro do limite considerado saudável;
– Evitar bebidas alcoólicas.

Mais lidas
Últimas notícias