Até contatos curtos com infectados são suficientes para pegar Covid-19

CDC, dos Estados Unidos, ampliou definição sobre tipo de contato em que há risco de transmissão do Sars-CoV-2

atualizado 22/10/2020 17:26

ilustração de pessoas com máscara no rosto, coronavírusAda Yokota/Getty Images

Para prevenir o contágio pelo coronavírus, a recomendação internacional é que se evite contato próximo com uma pessoa infectada. Nesta semana, o Centro de Controle de Doenças (CDC) dos Estados Unidos decidiu mudar a definição sobre essa proximidade.

Antes estava estabelecido que a transmissão se tornava arriscada a partir do 15º minuto quando as pessoas estavam a menos de 1,8 metro de distância. Agora, pessoas que tiveram pequenos encontros com infectados que, somados, tenham ultrapassado 15 minutos em um período de 24h devem ser isoladas por duas semanas.

O conceito foi mudado após um guarda contaminar seis prisioneiros de uma cadeia em Vermont. Apesar de estar usando máscara e óculos, o oficial teve pequenas interações de cerca de 17 minutos com cada preso em um turno de oito horas. Em alguns dos contatos, os prisioneiros tiraram as máscaras porque estavam em uma área de recreação.

0

Últimas notícias