Pinguins são detidos após “invasão” a restaurante de sushi, de novo

Segundo a polícia da Nova Zelândia, é a segunda vez que o caso ocorre. Após a detenção, os dois foram escoltados de volta ao oceano

Reprodução/FacebookReprodução/Facebook

atualizado 18/07/2019 12:04

Dois pinguins-azuis foram “detidos em flagrante” por policiais da Nova Zelândia após uma denúncia de que haviam invadido um restaurante de sushi. O inusitado caso ocorreu na segunda-feira (15/07/2019), na capital Wellington, mas a dupla, segundo os policiais, é reincidente no “crime”.

De acordo com a Polícia do Distrito de Wellington, um dia antes, os agentes receberam uma ligação à noite, sobre um pinguim que havia sido visto perambulando por uma estrada. O pequeno animal foi encontrado com ajuda de moradores e levado de volta ao mar.

Reprodução
Os dois espécimes tentaram se aninhar debaixo da geladeira

Na manhã seguinte, eles receberam um novo chamado de que o animal havia retornado, desta vez com um “comparsa”. O policial John Zhu saiu em busca dos “meliantes” e os encontrou tentando se aninhar debaixo de uma geladeira, dentro do restaurante Sushi Bi, que fica ao lado de uma movimentada estação de trem em Wellington.

Os moradores acreditam que eles tenham sido atraídos pelo cheiro de peixe do caminhão do estabelecimento. O caso foi registrado pela polícia como “vadiagem”, por conta da reincidência no flagrante. Eles foram detidos temporariamente e depois escoltados de volta ao oceano, no porto da cidade.

Jack Mace, do Departamento de Conservação, disse que os pinguins já haviam sido encontrados aninhados em casas onde eles tinham “estabelecido” um companheiro. “Mas certamente a estação ferroviária mais movimentada de Wellington é incomum”, acrescentou.

Os pinguins azuis (Eudyptula minor) são nativos da Nova Zelândia, encontrados principalmente em ilhas menores, longe da urbanização. O Departamento de Conservação (DOC) diz que os pássaros são bastante comuns no porto de Wellington, que abriga cerca de 600 pares de pinguins. As aves adultas têm cerca de 25 centímetros de altura, pesam cerca de 1 quilograma e se destacam pela cor azulada. Nesta época do ano, os animais da espécie saem em busca de lugares para se reproduzir e construir seus ninhos.

Últimas notícias