metropoles.com

Milei clonou seu cão Conan, com o qual se comunica com ajuda de médium

Javier Milei, novo líder da Argentina, conta que um de seus cachorros teria dado a elea missão de se tornar presidente da Argentina

atualizado

Compartilhar notícia

Reprodução
Na foto, Milei e seus cachorros
1 de 1 Na foto, Milei e seus cachorros - Foto: Reprodução

O futuro presidente da Argentina, o ultraliberal Javier Milei, eleito nesse domingo (19/11), conhecido por suas posições e declarações extremadas, também tem em sua trajetória uma peculiaridade: ele diz que clonou seu cachorro de estimação, Conan, e diz se aconselhar com o animal por intermédio de uma médium.

Desde que ganhou as primárias da eleição no país, em agosto, a relação de Milei com os animais se tornou pública. No discurso de agradecimento, o novo presidente agradeceu e citou seus “filhos de quatro patas”: Conan, Murray, Milton, Robert e Lucas.

O mais especial deles, Conan, morreu em 2017. Porém, de acordo com a imprensa argentina, Javier Milei enviou amostras de DNA do animal para a empresa PerPETuate para que fossem feitos clones do bicho. De acordo com a empresa, foram produzidos quatro clones das células preservadas.

Na foto, o Cachorro Conan e três de seus clones
Javier Milei ainda disse que chegou a recorrer a um médium para que conseguisse se comunicar com o cachorro

Segundo a biografia “El Loco”, que conta a trajetória de Milei, o Conan original era tratado como filho e até mesmo consumia champanhe. O novo líder da Argentina já contou em entrevistas que sobreviveu apenas com pizza durante um período econômico difícil, para garantir que o animal tivesse o suficiente para comer. 

Javier Milei ainda disse que chegou a recorrer a um médium para que conseguisse se comunicar com o cachorro. Conan teria passado para Milei a missão de se tornar presidente da Argentina.

Posições polêmicas

Milei tem 53 anos, é economista e deputado federal. O ultraliberal tem propostas econômicas de redução dos gastos públicos e fechamento do Banco Central, mas são as posições polêmicas e radicais que geram maior debate.

Ele é favorável à liberação da posse de armas e contra o aborto, que é legal no país. O candidato também propõe o comércio de órgãos humanos e o fim da educação escolar obrigatória.

Compartilhar notícia

Quais assuntos você deseja receber?

sino

Parece que seu browser não está permitindo notificações. Siga os passos a baixo para habilitá-las:

1.

sino

Mais opções no Google Chrome

2.

sino

Configurações

3.

Configurações do site

4.

sino

Notificações

5.

sino

Os sites podem pedir para enviar notificações

metropoles.comNotícias Gerais

Você quer ficar por dentro das notícias mais importantes e receber notificações em tempo real?

Notificações