Meta, dona do Facebook, paga agência de marketing para difamar TikTok

Empresa, que também é dona do WhatsApp e do Instagram, pagou para que empresa promovesse uma imagem negativa do TikTok entre os jovens

atualizado 30/03/2022 16:48

FacebookMichael Melo/Metrópoles

A empresa Meta, dona do Facebook, Instagram e WhatsApp, pagou uma das maiores agências de marketing republicanas dos Estados Unidos, a Targeted Victory, para fazer uma campanha nacional de difamação contra o TikTok. A informação foi obtida pelo jornal The Washington Post, através de e-mails internos da companhia, e divulgada nesta quarta-feira (30/3).

Segundo o jornal, o objetivo era promover histórias falsas em meios de comunicação para prejudicar a reputação do aplicativo concorrente.

Uma das estratégias era garantir a publicação de artigos de opinião sobre virais do TikTok que, na verdade, foram publicados no Facebook. Em outros casos, a empresa escrevia artigos de opinião e enviava a jornais com a assinatura de outras pessoas.

“Targeted Victory precisa passar a mensagem de que, enquanto a Meta é o saco de pancadas atual, o TikTok é a ameaça real, por ser um aplicativo estrangeiro que está em primeiro lugar no compartilhamento de dados que jovens adolescentes estão usando”, diz o diretor da agência em um e-mail enviado em fevereiro.

A campanha também pretendia tirar a atenção de políticas da Meta que são alvo de polêmica, como a privacidade dos dados de usuários.

0

A ação da Meta, segundo o jornal, era promover o Facebook entre os jovens, que têm deixado o aplicativo para navegar no TikTok. A Targeted Victory não quis comentar sobre a campanha e não informou os valores cobrados para ações deste tipo, dizendo apenas que representa a Meta há vários anos e que está “orgulhosa do trabalho que fizemos”.

Em pronunciamento ao The Whashington Post, o porta-voz da Meta, Andy Stone, defendeu a campanha dizendo: “Acreditamos que todas as plataformas, incluindo o TikTok, devem enfrentar um nível de escrutínio consistente com seu crescente sucesso”.

Mais lidas
Últimas notícias