Incêndio atinge instituto educacional e mata 21 estudantes na Índia

De acordo com o Corpo de Bombeiros, os adolescentes morreram por causa das chamas e por pularem do edifício na tentativa de se salvarem

Reprodução/TwitterReprodução/Twitter

atualizado 24/05/2019 19:24

Um incêndio deixou 21 mortos nesta sexta-feira (24/05/2019), em Surate, na Índia. A tragédia ocorreu em um edifício que abriga um instituto educacional privado. De acordo com o jornal The Hindu, todas as vítimas eram adolescentes entre 15 e 19 anos que participavam de um curso sobre arquitetura no local. Há feridos.

“Os estudantes morreram por causa do incêndio, mas também por saltarem do edifício”, afirmou o chefe dos bombeiros da cidade, Deepak Sapthaley. O jornal The Hindu disse que pelo menos quatro dos jovens morreram ao tentar pular para fugir do fogo.

As vítimas tinham menos de 20 anos. Segundo P. L. Chaudhari, delegado adjunto de polícia, a investigação inicial aponta que o fogo foi iniciado por curto-circuito em um transformador elétrico. Entre 50 e 60 estudantes estavam no imóvel na hora que o incêndio começou. Segundo o The Hindu, as paredes e o teto do local onde o curso era dado foram feitos de plásticos.

O presidente reeleito da Índia, Narendra Modi, lamentou a tragédia nas redes sociais. “Extremamente consternado pelo incêndio em Surat. Meus pensamentos estão com as famílias destroçadas. Espero que os feridos se recuperem rapidamente”, afirmou.

Últimas notícias