Após 2 meses em órbita, astronautas retornam à Terra na cápsula da SpaceX

É a primeira vez que uma empresa privada lança astronautas em órbita - até então, apenas as espaçonaves governamentais foram a tais alturas

atualizado 02/08/2020 17:42

Astronautas da SpaceXReprodução/Nasa

A cápsula da SpaceX que levou dois astronautas norte-americanos à Estação Espacial Internacional no fim de maio retornou à Terra na tarde deste domingo (2/8), após pouco mais de dois meses em órbita. O trajeto de volta que trouxe os tripulantes Bob Behnken e Doug Hurley durou cerca de 19 horas e o pouso ocorreu no Golfo do México, na costa de Pensacola, na Flórida (EUA).

No dia 30 de maio, o foguete Falcon 9 deixou o solo norte-americano pontualmente às 16h22 (horário de Brasília) e chegou à estação no dia seguinte, às 11h16.

Após o lançamento, os astronautas fizeram uma viagem de 19 horas a bordo da cápsula Crew Dragon até atingir o destino.

O lançamento foi um marco histórico: pela primeira vez desde 2011 a Nasa realiza uma missão espacial tripulada saindo dos Estados Unidos.

É também a primeira vez que uma empresa privada lança astronautas em órbita – até então, apenas as espaçonaves governamentais chegavam a tais alturas.

Além disso, foi um voo simbólico: o foguete saiu da mesma plataforma de lançamento do Centro Espacial Kennedy, na Florida, que içou a tripulação da Apollo 11 à Lua.

Últimas notícias