Em ação voltada a crianças, Bike Repórter pedala 12h sem parar

Mesmo preparado, Afonso Ventania, da Rádio Metrópoles, temia que o psicológico pudesse atrapalhar. Evento arrecadou vários brinquedos

Bruna Lima/Metrópoles

atualizado 21/12/2019 19:34

Por doze horas, o Bike Repórter da Rádio Metrópoles FM ficou no mesmo lugar, mas com uma visão inspiradora: assistia uma caixa de brinquedos que serão doados a crianças carentes do DF se encher a cada minuto. Mas engana-se quem pensa que ele ficou imóvel. Para chamar a atenção das pessoas que passavam em frente ao Pátio Brasil, na sexta-feira (20/12/2019), Afonso Ventania pedalou sem parar.

A forma inusitada de conseguir atrair mais doações e trazer um Natal recheado de surpresas deu certo. Ao final do desafio, nomeado como Pedal Solidário, o cansaço quase não teve espaço em comparação à satisfação em ver a caixa lotada de presentes.

“Podia chover canivete que eu não ia sair daqui. Pedalei motivado por essas crianças: é a minha forma de agradecer pela vida”, afirma Ventania.

O ex-atleta profissional já pedalou 20 mil Km por todo território brasileiro durante uma Campanha para a Organização das Nações Unidas. Adepto do cicloturismo, o bike repórter carrega no currículo várias viagens pedalando pelo mundo. Um dos trajetos feito por ele foi entre Fort Lauderdale (Flórida) e Key West. Acostumado a percorrer grandes distâncias sob duas rodas, Afonso nunca tinha pedalado por um período tão longo e de forma ininterrupta.

Foram meses de preparação e, apesar de estar em perfeita forma, o medo era de que o psicológico atrapalhasse. “Quando a gente está circulando, tem toda a brincadeira de desviar dos carros, subir e descer meio-fio. Achei que podia ser prejudicado pelo tédio de estar no mesmo lugar, mas foi o contrário. Tanta gente passando, conversando, motivando o tempo todo e não só doando presentes, mas pedalando junto”, comemora o ciclista.

A bike, a mesma que ele usa para dar informações sobre o trânsito do DF à Rádio Metrópoles FM, ficou acoplada em um equipamento. Ao lado, outras cinco bicicletas de Spinning foram instaladas pela BlueFit para que o público também pudesse pedalar e dar um empurrão diferente ao repórter.

Participação popular

O nigeriano e chef de cozinha Chidera Okeke, 31 anos, embarcou no desafio e suou a camisa. “Maravilhoso, bacana e as crianças vão ficar felizes demais”. Ele costumava pedalar e aproveitou o momento para matar saudade. “É muito gostoso e é uma honra poder participar”, diz.

Bruna Lima/Metrópoles
Para incentivar o Bike repórter, o nigeriano e chef de cozinha Chidera Okeke também parou para pedalar

A criançada não ficou de fora e até quem não tinha tamanho para alcançar o pedal, deu um jeito de entrar na brincadeira. “Eu achei muito divertido e diferente”, conta Rhuan Soares, 6 anos. Ele estava com a irmã, Karen, e com a prima, Rihanna Oliveira, ambas de 9 anos.

Mesmo cansado do trabalho, o mecânico Ricardo da Silva não poupou esforços para acompanhar Ventania e o entrosamento foi tanto que, sem perceber, o ciclista acelerou o ritmo das pedaladas. “Que sensação boa e diferente. Quem iria imaginar que minha sexta acabaria assim? Desejo que essas crianças fiquem felizes neste Natal e que as pessoas possam valorizar e participar de mais ações como essa”, espera.

Toda a arrecadação será entregue nesta segunda-feira (23/12/2019) para o Projeto “Crer e Ser” da Instituição da OAPNB. Ao todo, 40 crianças de 6 a 15 anos serão beneficiadas.

Últimas notícias