Filha de Rollemberg já recebeu R$ 490 mil nestas eleições

O escritório da filha do governador do Distrito Federal faturou, até esta terça-feira (18/9), quase meio milhão de reais nas eleições de 2018. Especializada em direito eleitoral, a Gabriela Rollemberg Advocacia recebeu R$ 490 mil de três candidaturas. O principal cliente dela é o próprio pai. De acordo com a declaração prestada pelo representante do PSB na disputa local, […]

atualizado 19/09/2018 23:26

O escritório da filha do governador do Distrito Federal faturou, até esta terça-feira (18/9), quase meio milhão de reais nas eleições de 2018. Especializada em direito eleitoral, a Gabriela Rollemberg Advocacia recebeu R$ 490 mil de três candidaturas. O principal cliente dela é o próprio pai. De acordo com a declaração prestada pelo representante do PSB na disputa local, foram pagos R$ 360 mil à equipe de advogados da primogênita.

Os recursos repassados até o momento à campanha de Rodrigo Rollemberg são praticamente todos do fundo partidário. Dos R$ 3,06 milhões recebidos por ele, 99% vieram do PSB e do PV – legendas que compõem a chapa majoritária. O escritório de Gabriela também atende: Chico Leite (Rede), candidato ao Senado na coligação do pai e o qual gastou R$ 60 mil com a advogada; e Tereza Cristina (DEM), postulante a deputada federal por Mato Grosso do Sul, que investiu R$ 70 mil.

Na noite de quarta (19/9), a Coligação Brasília de Mãos Limpas enviou nota para comentar o assunto.

Confira a íntegra:

“A Coligação Brasília de Mãos Limpas esclarece que Gabriela Rollemberg, filha do candidato Rodrigo Rollemberg, é advogada, portanto, profissional liberal com ampla liberdade de exercer a sua profissão. Esclarece ainda que não há qualquer irregularidade na contratação dos serviços de seu escritório de advocacia, o qual tem atuação reconhecida nacionalmente na área eleitoral. Ao contrário do que informado na reportagem, as informações lançadas no Sistema de Prestação de Contas Eleitoral somente revelam os gastos contratados pelos candidatos e não efetivamente pagos. Além disso, o contrato firmado com o escritório prevê a prestação de serviços não apenas à campanha majoritária, mas também a todos os candidatos proporcionais do Partido Socialista Brasileiro, com serviços de assistência e consultoria permanente em matéria jurídica eleitoral no período da campanha eleitoral; apoio jurídico à equipe de propaganda eleitoral no rádio, televisão, internet, impressos; e ainda consultoria para arrecadação e prestação de contas dos candidatos majoritários e proporcionais.”