Doçura: conheça a Le Zuccherosità Della Sorelle, marca de biscoitos finos

A empreendedora Aline Gonçalves deixou o trabalho no Poder Executivo para se dedicar às receitas da família

atualizado 13/01/2021 11:33

Foto: Divulgação

As raízes italianas de Aline Souza a ensinaram a ser uma pessoa amorosa e carinhosa. Da mãe, Maria, recebeu amor incondicional e conforto, esse por meio de deliciosos quitutes. Maria se foi, mas deixou para os seis filhos as receitas dos doces com afeto. “Todas as nossas conquistas e dores eram celebradas, e curadas, em torno de uma boa mesa com a família. As vitórias ficavam maiores e as dores sumiam. Não preciso nem dizer que era um verdadeiro deleite para o paladar e a alma”, lembra Aline. 

Hoje, as receitas, que já faziam sucesso entre familiares e amigos, tornaram-se a base do negócio de Aline: a loja de doces e biscoitos finos Le Zuccherosità Della Sorelle. Ela trabalhou por 17 anos com política e deixou a função em janeiro de 2020. E foi de uma conversa com as irmãs Giselle e Kátia que surgiu a ideia de investir na venda das receitas do caderninho da mãe. “Eu comecei com a esperança de que elas também tragam conforto, alegria e afeto para outras pessoas. Como sempre trouxeram para nós”, relata. 

As irmãs também fazem parte da inspiração para o nome da loja de Aline. Le Zuccherosità Della Sorelle significa A Doçura das Irmãs, em tradução livre do italiano. “Mas tem como significado muito mais que o próprio nome. A “Doçura” remete à nossa mãe, que também nos cultivou com o açúcar do coração, e nos transmitiu o dom de acalentar e abraçar as pessoas. Sempre utilizando uma boa mesa para resolver os problemas mais desafiadores”, revela. E completa: “O fato é que o que eu faço hoje é a soma do afeto de toda a minha família”.

Aline Souza criou a Le Zuccherosità Della Sorelle há um ano
Doces afetivos 

Na linha de produção da Le Zuccherosità existem, além dos biscoitos, os produtos pensados para cada época. A primeira criação da marca foi o cinnabite, uma receita crocante com sabor de canela. Depois, os biscoitos amanteigados com base de amêndoas e manteiga fermentada ganharam espaço no cardápio. 

Outra proposta é o italiano bruttiboni, doce feito de avelãs que não tem glúten nem lactose. As amêndoas protagonizam dois preparos. O amaretti, ideal para dietas restritivas, que segue a mesma linha, e o cantucci de amêndoas, feito para ser embebido em café ou vinho de sobremesa.

O cardápio da doceria conta ainda com as queridinhas marmellates. As geleias estão disponíveis em cinco sabores. São eles: mirtilo, laranja com Cointreau, frutas vermelhas com gin rosa, limão siciliano com Limoncello, e morango com aceto balsâmico. Aline explica que elas “são desenvolvidas para agradar ao paladar de quem aprecia um biscoito fino”. E são ótimos acompanhamentos para essas iguarias. Outra guarnição que vai muito bem com os doces são os caramelos salgado e toffee. 

0
Todos por um

A família é parte fundamental na empreitada de Aline. A parceria vai muito além do incentivo, eles também ajudam no dia a dia. A empresária conta que os parentes são muito presentes. “O que eu preciso, as meninas (e os meninos também) me ajudam! Seja em ideias ou feedbacks de novas receitas.” 

A confeiteira também lembra que os familiares foram os primeiros clientes da marca. “Nas primeiras produções, meus irmãos e os amigos compraram e presentearam algumas pessoas. E esses amigos presentearam outros. E essa corrente de afeto tem se propagado e ganha força a cada semana”, finaliza. 

A família é um dos principais apoios de Aline. Na foto, da esquerda para a direita, Samuel, Paulo (pai), Maria José (mãe), Kátia, Alexander, Giselle, Aline (de blusa amarela) e Abel
Serviço

Le Zuccherosità Della Sorelle

Encomendas pelo WhatsApp no número (61) 98153-7039. Os pedidos precisam ser feitos com, no mínimo, 48 horas de antecedência. Mais informações também no Instagram @lezuccherosita. 

Últimas notícias