*

Quem passa pela comercial da 403 Sul já consegue ver a fachada da nova operação especializada em cervejas, o Beer Club. O ponto já abrigou uma unidade do Empório Soares e Souza e, a partir do dia 6 de abril, voltará a receber cervejeiros e apaixonados por rótulos brasileiros e brasilienses.

Ideia dos amigos de infância e sommeliers de cerveja Helius D’Agostini, Heber Brenner e Eduardo Meira, a casa contará com quatro ambientes: um salão principal, a varanda Bier Garten, sala privativa no subsolo e salão superior (com bistrô gourmet). A capacidade será para 200 pessoas e quem assina o projeto é o arquiteto Fabrício Carvalho.

O trio produz cerveja desde 2010 e acredita que a iniciativa mistura paixão, sonho e oportunidade de negócio. “A casa envolve o mundo cervejeiro de uma forma mais ampla com inovações como a beer cuisine e ainda uma programação de cursos voltados para assuntos relacionados à cultura da cerveja”, diz Heber.

Haverá também 16 taps (torneiras de chope), quatro televisões e uma programação cultural com música acústica. Outra grande aposta é o Hopinator, um infusor inglês high-tech inédito em Brasília que promete aumentar a percepção dos aromas e sabores do lúpulo na cerveja. “O líquido passará por um filtro com lúpulo e frutas na hora de servir e chegará ao copo do cliente com sabor ainda mais marcante”, explica Eduardo.

 

Coquetéis com “breja”
De olho no aumento da demanda por drinques, os sócios não excluíram a possibilidade de oferecer uma carta de mixologia que vai além do bom Cozumel. Com sugestões criadas por Gustavo Guedes, os drinques têm cerveja na composição e prometem surpreender.

O Stout Reviver (R$ 27) leva Bourbon, redução de Stout com nibs de cacau, sumo de limão e Bitter de café; já o India Pale Mule (R$24) é uma proposta similar ao Moscow Mule e produzido com vodca e infusão de manga, cerveja IPA, redução de maracujá com baunilha e espuma de gengibre. Há ainda o Honey Buck Ale (R$26), que leva American Pale Ale, gim, xarope de mel com flor de laranjeira, sumo de limão, alecrim e angostura. Outra pedida é o Weiss Spritz, feito com cerveja Weiss, shrub de melancia com hortelã, mix de amaros e limão-siciliano.

Beer Cuisine
Parte importante do projeto, o cardápio segue o conceito de beer cuisine, a harmonização de pratos com cervejas de estilos diversos. A casa vai oferecer, além de pratos executivos, entradinhas indicadas para happy hours. Entre as opções, há o dadinho de malte com calda de Rauchbier e bacon e a costela bovina assada no barbecue de cerveja Porter, servida com cebola grelhada.

A data de inauguração foi alterada à pedido dos proprietários.