UFC: Dana White se irrita com avanço do caso sobre vídeo de sexo

Presidente do Ultimate conseguiu provar na Justiça que sofreu tentativa de extorsão por causa das imagens, mas é acusado de quebrar acordo

Dana WhiteReprodução/Twitter

atualizado 06/04/2020 13:38

O presidente do UFC, Dana White, se irritou ao saber que o processo sobre um vídeo de sexo entre ele e uma dançarina tem novo capítulo. Depois de provar na Justiça ter sido alvo de tentativa de extorsão, em 2015, o mandatário do maior evento de MMA do mundo agora é acusado de descumprir acordo milionário.

Conforme revelou o jornal Las Vegas Review-Journal, Ernesto Joshua Ramos moveu ação na última sexta-feira (03/04) no Tribunal de Nevada. Ele alega que Dana White não cumpriu acordo milionário para que assumisse a culpa no processo.

De acordo com Ramos, o presidente do UFC chegou a oferecer US$ 450 mil para que Ernesto assumisse a tentativa de extorsão. Dana, porém, não teria pago a quantia.

Irritado com o novo andamento da ação, Dana Shite desabafou: “Acabei de descobrir que este processo de merda foi colocado contra mim. Este cara foi preso por tentar me extorquir cinco anos atrás. Ele não tirou nenhum dinheiro de mim da última vez e não vai tirar nenhum dinheiro de mim agora. Estou ansioso para que o tribunal rejeite isso rapidamente, para que eu possa me livrar destes desgraçados para sempre”, disse Dana, em entrevista ao Las Vegas Review-Journal.

Entenda o caso

O vídeo de sexo entre Dana White e a dançarina teria sido gravado pela mulher no Brasil, em 2015. No mesmo ano, o presidente do UFC solicitou ajuda do FBI para comprovar que estava sendo vítima de extorsão. De acordo com Dana, Ernesto Joshua Ramos cobrava dinheiro para não revelar as imagens.

Dana White ganhou na Justiça e conseguiu costurar acordo para que o vídeo fosse deletado e o caso, mantido em sigilo. Na última sexta-feira (03/04), porém, Ramos deu entrada em novo processo, no qual acusa Dana White de ter oferecido dinheiro para que ele se declarasse culpado na tentativa de extorsão. A quantia milionária, no entanto, não teria sido entregue a Ramos.

Vídeos
Últimas notícias