São Silvestre: Superado no fim, vice diz não ter visto adversário

O ugandense Jacob Kiplimo disse nesta terça-feira (31/12/2019) ter ficado muito surpreso com o segundo lugar na corrida deste domingo

atualizado 31/12/2019 11:44

Twitter/Reprodução

O ugandense Jacob Kiplimo disse nesta terça-feira (31/12/2019) ter ficado muito surpreso com o segundo lugar na corrida de São Silvestre, em São Paulo. O corredor, de 19 anos, liderou a maior parte do trajeto até ser ultrapassado no último metro pelo queniano Kibiwott Kandie e perder a prova. O vice-campeão da corrida revelou que não percebeu a aproximação do adversário na reta final e garantiu ter aprendido lições com a derrota inesperada.

Kiplimo tinha uma vantagem confortável e entrou no trecho final, na Avenida Paulista, com boa distância para o adversário. Mas como administrava o ritmo e não se viu ameaçado, viu Kandie o ultrapassar na última passada. “Eu não estava esperando. O meu adversário veio muito rápido, não o vi. Não imaginei que ele me passaria e que poderia perder”, disse. O resultado final mostrou que o queniano bateu o ugandense por apenas um segundo de diferença.

O segundo colocado comentou após a prova que, por ser jovem, vai tirar a derrota como lição para o restante da carreira. “Eu aprendi que tenho de correr mais forte para evitar outras ultrapassagens como essa”, afirmou. Kiplimo liderou a prova desde o começo e a partir da metade do percurso de 15 km se desgarrou do restante do pelotão, até perder a ponta somente no último instante.

Ao cair do primeiro para o segundo lugar, Kiplimo viu escapar também um bom valor de premiação. O campeão da São Silvestre ganhou R$ 94 mil, enquanto o vice ficou com metade dessa quantia, R$ 47 mil. Apesar de se mostrar frustrado com a derrota no fim, o atleta disse estar tranquilo com o resultado e comentou que está satisfeito por ter conseguido fazer um bom tempo na prova.

“Quando ele me passou, eu fiquei feliz. Somos amigos e temos boa relação”, afirmou o ugandense. Os africanos conseguiram os dez primeiros lugares da prova de São Silvestre e o Brasil teve como representante mais bem colocado Daniel do Nascimento, que terminou o percurso em 11º.

Vídeos
Últimas notícias