Voucher do apito. CBF libera auxílio financeiro aos árbitros

Cada um terá à disposição a antecipação de uma taxa de arbitragem, calculada a partir do maior valor pago pela entidade para sua categoria

atualizado 02/04/2020 9:30

A Confederação Brasileira de Futebol (CBF) cumpriu o que havia ensaiado e concederá auxílio financeiro aos árbitros que pertencem ao quadro nacional. Cada um terá à disposição a antecipação de uma taxa de arbitragem, calculada a partir do maior valor pago pela CBF para sua categoria. O “voucher do apito” visa reduzir o impacto da paralisação dos campeonatos devido ao novo coronavírus.

Além do aspecto financeiro, a CBF afirma que dá atendimento psicológico, aulas teóricas ministradas por videoconferência e outros benefícios.

Lances de jogo, aspectos do VAR e mudanças recentes das regras são enviados pelos instrutores às equipes de arbitragem para análise e comentários. A cada dois dias é aplicado um teste a partir de jogadas enviadas em vídeo, que posteriormente são analisados e devolvidos aos participantes.

(Com informações da CBF)

Vídeos
Últimas notícias