Puma quer acordo entre Neymar e zagueiro que o teria chamado de “macaco”

Empresa teme que briga entre os atletas prejudique sua imagem

atualizado 28/09/2020 11:54

Neymar discute em campoAurelien Meunier - PSG/PSG via Getty Images

A briga entre Neymar e Álvaro González continua sob investigação da Federação Francesa, porém a Puma, empresa que patrocina os dois atletas, busca um acordo entre ambos. Segundo o jornal As, a marca estaria receosa com os danos que a confusão podem lhe causar.

Em duelo entre PSG e Olympique de Marselha, Neymar foi acusado de homofobia, enquanto o defensor responde por preconceito racial. Ele teria chamado o brasileiro de macaco.

O comitê disciplinar da Liga Profissional Francesa julgará o caso na próxima quarta-feira (30/9).

Para evitar danos à imagem da marca, os atletas podem aceitar o acordo e parar de se acusarem. A intenção da Puma é que nenhum deles toma uma punição rigorosa.

0

 

 

Vídeos
Últimas notícias