Coronavírus: São Marcos promete bancar salário a 10 desempregados

O ex-goleiro e ídolo do Palmeiras revelou a boa ação em sua rede social e afirmou que pagará um salário mínimo para eles durante seis meses

Marcos com a camisa do PalmeirasReprodução/Instagram

atualizado 22/03/2020 11:05

O ex-goleiro Marcos ganhou o status de santo pelas defesas praticadas durante anos com a camisa do Palmeiras, mas agora decidiu fazer jus ao apelido fora do gramado. Ele afirmou em sua rede social que pagará um salário mínimo para 10 pessoas que, porventura, percam o emprego durante a pandemia de coronavírus.

São Marcos, como é chamado pela torcida palmeirense, disse ainda que o benefício será bancado por ele durante seis meses. “Vou assumir o salário mínimo de 10 pessoas que, porventura, venham a perder seus empregos por conta dessa crise que estamos. Por seis meses, até que as coisas voltem ao normal”, anunciou o ex-goleiro.

Pouco tempo depois de anunciar a boa ação, o goleiro recebeu milhares de comentários e escolheu as 10 pessoas. Logo depois, teve que fazer um post explicando a decisão de cancelar os comentários da publicação, porque estava recebendo insultos de “oportunista”.

O Palmeiras, clube no qual Marcos fez história, está com as atividades interrompidas por tempo indeterminado devido ao novo coronavírus. A tendência é que o Alviverde antecipe as férias dos jogadores, o que já teria sido liberado pela Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Vídeos
Últimas notícias