Comentaristas detonam Gabigol por treta com Felipão: “Hora de dar basta”

Denilson e Fabio Sormani criticaram o camisa nove do Flamengo após discussão áspera com o técnico do Grêmio na Copa do Brasil

atualizado 16/09/2021 17:19

Flamengo GabigolBuda Mendes/Getty Images

Um episódio no mínimo deselegante marcou a partida entre Flamengo e Grêmio nessa quarta-feira (15/9), pela Copa do Brasil. No começo do segundo tempo, Gabigol discutiu de forma áspera com o técnico Luis Felipe Scolari e os ânimos precisaram ser esfriados.

Nesta quinta-feira (16/9), a atitude do camisa nove do Flamengo repercutiu na imprensa esportiva brasileira. E, obviamente, de forma negativa: Denilson e Fábio Sormani condenaram a postura do jogador e apontaram que o centroavante precisa de limites.

No programa Jogo Aberto desta quinta, o ex-atacante de São Paulo, Palmeiras e Seleção Brasileira criticou o atacante e pregou respeito a Felipão.

“Não dá para saber o que aconteceu ali, tem toda a adrenalina do jogo, mas faltou um pouco de respeito com o Felipão, que é um campeão do mundo. Se o Felipão falou algo ou não… Poxa. É um cara que você bate continência”, disse.

Limites

Fabio Sormani endossou a fala de Denilson e exigiu que providências sejam tomadas em relação aos acessos de fúria de Gabriel.

“É chegado o momento de alguém dar um basta no Gabriel. Eu sou muito fã dele, todo mundo sabe, mas é preciso dar um basta. Ele (Renato Gaúcho) precisa chegar e falar: “Quem manda aqui sou eu”, mas não do jeito dele, que o jogador leva na brincadeira. Ele precisa pegar e falar: “Vai ficar no banco por causa do que você fez”. Ele precisa dar um basta. O Gabriel não é maior que o Flamengo. O Renato precisa dar um basta, porque a diretoria é frouxa, eles não punem, eles são coniventes e, já que a diretoria é conivente, o Renato tem que agir e botar no banco, se não aceitar, vai pra diretoria resolver”, disse Sormani no Bate-Bola debate, dos canais Fox.
E os destemperos do jogador refletem nos números em 2021. Ao todo, Gabriel recebeu sete cartões amarelos, com um segundo cartão resultando em expulsão, na partida contra o Internacional pelo Campeonato Brasileiro.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias