CSGO: MIBR toma virada incrível, perde, e dá adeus ao ESL One Cologne

Equipe brasileira vencia jogo por 12 x 3 no mapa decisivo, mas permitiu virada da Big. Furia joga nesta tarde (03/07) contra a Natus Vincere

Twitter/ReproduçãoTwitter/Reprodução

atualizado 03/07/2019 13:13

Chegou ao fim a passagem da MIBR pela ESL One Cologne, disputada em Colônia, na Alemanha. O campeonato marcou a primeira competição oficial de LUCAS 1 na line formada por brasileiros. Na manhã desta quarta-feira (03/07/2019), a equipe viveu grande momento dentro da partida, especialmente no segundo mapa, quando sobrou no servidor e no início arrasador no terceiro e decisivo mapa, ficando a apenas quatro rounds de fechar a partida já na primeira metade, mas permitiu a virada da Big, que teve mais controle emocional na prorrogação para fechar o mapa em 19-16 e o jogo em 2 x 1, mandando os brasileiros para casa mais cedo.

O primeiro mapa foi a Dust 2, escolha da Big. Mesmo não tendo a pick do mapa, os brasileiros começaram melhor o duelo, vencendo o primeiro round pistol e o antieco na sequência. O bom momento, entretanto, terminou ainda na primeira metade, quando a Big virou e terminou a primeira metade vencendo por 9 x 6. A MIBR começou melhor a parte final do primeiro mapa, chegando a empatar o jogo em 10 x 10. A Big, porém, voltou a mandar no jogo e não teve trabalho para fechar o mapa de escolha dos alemães por 16 x 11.

Mapa novo, vida nova. Foi assim que o time brasileiro iniciou a Overpass, escolha da MIBR. Dominante desde o primeiro momento, os comandados de Wilton “Zews” Prado não tiveram o menor trabalho para amassar os rivais, graças também à atuação inspirada de Fer e Taco, combinados para 43 kills no mapa. Sem sofrer ameaças em momento algum durante a disputa do mapa, a MIBR fechou a Overpass com vitória por 16 x 7.

O bom momento no mapa anterior se alastrou também pelo início da Train, terceiro e decisivo mapa. Começando a partida no lado CT, os brasileiros praticamente não deram chances dos alemães executarem as táticas ofensivas. Prova disso foi o tempo que a Big demorou para conseguir a primeira kill: três rounds. Ao final da primeira metade, a MIBR vencia por 12 x 3, muito próxima de eliminar os adversários. Como TR, porém, os brasileiros deixaram muito a desejar. A Big anotou inacreditáveis 12 rounds seguidos, chegando a ter 3 match-points. A MIBR conseguiu salvar todos eles, mas, na prorrogação, os alemães foram melhores e fecharam o jogo em 19 x 16 e o jogo em 2 x 1, decretando o fim da passagem dos brasileiros por Colônia.

Esperança na Fúria
O último time brasileiro na disputa da ESL One Cologne é a Furia. A equipe enfrenta a Natus Vincere nesta quarta-feira, em partida marcada para às 14h. Quem perder, também dá adeus à competição.

Últimas notícias