Fórmula 1: Ferrari busca repetir domínio no GP da Arábia Saudita

Equipe italiana conseguiu uma dobradinha no Bahrein é a favorita para repetir um grande desempenho no segundo GP da temporada

atualizado 26/03/2022 18:05

Após uma estreia eletrizante no último fim de semana, no Bahrein, o circo da Fórmula 1 chega ao circuito de Jeddah, na Arábia Saudita, prova que foi marcante na temporada passada, com vários encontros entre Verstappen e Hamilton, na pista. A julgar pelos eventos da primeira corrida da temporada 2022, a rivalidade entre os pilotos da Red Bull e Mercedes deve ficar em segundo planos.

Isso porque a Ferrari roubou os holofotes para si, conseguindo a primeira dobradinha da squadra italiana desde 2019, com vitória de Charles Leclerc e Carlos Sainz vindo logo atrás. Saiba mais detalhes sobre o que esperar da prova abaixo. A Band transmite a corrida neste domingo (27/3), a partir das 14h.

O campeonato

Sem muito tempo para fazer melhoras, o cenário visto no Bahrein deve se repetir na Arábia Saudita, com as Ferraris ditando o ritmo para o resto do grid. A equipe italiana contou com um pouco de sorte, já que as Red Bulls de Max Verstappen e Sergio Perez sofreram com problemas mecânicos e tiveram de abandonar a corrida, abrindo caminho para a dobradinha.

A Mercedes, que ainda não está no ritmo de corrida de Red Bull e Ferrari, também se aproveitou do abandono dos dois carros de seu principal rival da temporada 2021, conseguindo um improvável pódio para Hamilton e um 4º lugar para Russell. Com um provável desempenho mais regular da Red Bull, a Mercedes terá que se esforçar sair da posição de terceiro carro mais rápido do grid.

Mais para atrás, fica o questionamento sobre como a McLaren vai reagir após o péssimo desempenho no Bahrein. A equipe inglesa é a grande decepção da temporada até aqui.

Treino classificatório

Sergio Pérez, da Red Bull, largará na primeira posição no grid de largada no GP da Arábia Saudita. O mexicano garantiu a pole position na prova classificatória nesse sábado (26/3).

Além da pole do piloto da Red Bull, a prova que definiu o grid de largada ficou marcada pelo acidente do alemão Mick Schumacher, que perdeu o controle do carro e chocou-se contra um muro de proteção. Charles Leclerc largará no segundo lugar e Carlos Sainz na terceira posição.

Mundial de Pilotos e Construtores

Detalhes sobre o circuito

Distância: 6.174m
Número de voltas: 50 DRS – 3 zonas
DRS 1: Detecção após a curva 17 e ativação entre as curvas 20 e 22
DRS 2: Detecção na curva 22 e ativação entre as curvas 23 e 27
DRS 3: Detecção na curva 27 e ativação na reta principal
Pneus disponíveis: C2 (duros), C3 (médios) e C4 (macios)

Resultado de 2021

Pole position: Lewis Hamilton (ING/Mercedes) – 1min27s511

Pódio:
1º Lewis Hamilton (ING/Mercedes) – 2h06min15s118
2º Max Verstappen (HOL/Red Bull) +21s825
3º Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) +27s531

Curiosidades sobre o GP da Arábia Saudita

Jeddah é a segunda maior cidade da Arábia Saudita. Está localizada às margens do Mar Vermelho e tem um porto importante. É um lugar famoso por servir de base para a peregrinação para Meca, o local mais sagrado da religião muçulmana.

Acredita-se que Eva foi enterrada em Jeddah, em local que hoje é o coração da cidade e que teria a batizado: Jaddah significa “avó” em árabe.

A cidade é a quarta casa da Fórmula 1 no Oriente Médio. O primeiro país da região a receber a categoria foi o Bahrein, em 2004. Depois, os Emirados Árabes Unidos, em 2009. O Catar substituiu a Austrália em 2021.

Jeddah em 2021

Intenso, polêmico, confuso…diversas palavras foram usadas para descrever o Grande Prêmio da Arábia Saudita da temporada passada, o penúltimo, que montou o cenário para as polêmicas do GP de Abu Dhabi.

Jeddah foi o cenário do famoso (talvez infame) stop and go de Max Verstappen. O holandês foi penalizado por ultrapassar o rival fora da pista e teve que devolver a posição. No entanto, quando Hamilton partiu para a ultrapassagem, o holandês freou causando uma colisão entre os dois. O heptacampeão, no entanto, conseguiu guiar o seu carro até a vitória.

Implacável com os erros, a pista de Jeddah viu diversos abandonos. Mick Schumacher, Sebastian Vettel, Sergio Perez, Nikita Mazepin e George Russell não completaram a prova.

Mais lidas
Vídeos
Últimas notícias