Vídeo: repórter interrompe ao vivo após quase ser arrastado por furacão

Jay Gray entrou ao vivo de Lake Charles, em Louisiana, para falar sobre a força do furacão Laura, que atingiu Texas e Louisiana nessa quarta

atualizado 27/08/2020 10:59

Repórter quase é arrastado pelo Furacão LauraReprodução/ Twitter

Uma repórter do programa Good Morning Britain, do canal britânico ITV, precisou interromper uma entrada ao vivo por conta dos ventos intensos causados pelo furacão Laura, que chegou ao Texas e Louisiana (EUA).

Jay Gray precisou entrar ao vivo para falar sobre o fenômeno, mas a força dos ventos foi tanta que a repórter precisou se curvar e esconder o rosto com um boné.

Os apresentadores do programa ficaram assustados com o momento e interromperam a transmissão: “Vamos ter que deixá-lo”. O repórter fez sua entrada da cidade de Lake Charles, em Louisiana.

Veja o vídeo:

Segundo a emissora, os ventos do Laura podem chegar a 240 km/h. “Jay está completamente a salvo e bem e nós estávamos tomando medidas de segurança para garantir segurança”, comunicou o programa em seu site.

O furacão

O furacão Laura alcançou categoria 4 na escala Saffir-Simpson nessa quarta-feira (26/8) e atingiu a costa sudeste dos Estados Unidos na manhã desta quinta-feira (27/8), em meio a alertas de “tempestade catastrófica, ventos extremos e inundações”.

Mais de 385 mil pessoas receberam ordem de evacuação em Beaumont, Galveston e Port Arthur, no Texas; e outras 200 mil em Calcasieu Parish, no sudoeste da Louisiana.

Últimas notícias