Vídeo: ao vivo, repórter é interrompida por gritos de socorro em hospital

Luize Baini atualiza os números de casos de coronavírus quando foi interrompida pelos gritos desesperados por socorro de uma mulher

atualizado 14/08/2020 10:34

Luiza Baini de máscaraReprodução/ Record

A repórter Luize Baini passou por um susto em um link ao vivo que fazia nessa quinta-feira (13/8). Durante o Rio Grande Record, a jornalista atualizava o número de casos do novo coronavírus no estado, quando foi interrompida por gritos desesperados de uma mulher pedindo por socorro.

“Simone [Santos, apresentadora do Rio Grande Record], eu peço desculpas, é que nós estamos em frente a um hospital entrando ao vivo neste momento. São situações que acontecem, pacientes que chegam a todo momento. Tem algum paciente aqui que está passando mal, então isso também tira um pouco da minha concentração”, explicou Baini, enquanto os gritos ainda continuavam.

Veja o vídeo:

Neste momento, a câmera mostra de onde vinha os gritos da mulher, que tentava retirar um paciente do carro na entrada do hospital. A equipe médica prestou socorro e atendeu a pessoa dentro do local.

“A gente não sabe se pode ajudar em algum momento. Peço desculpas pela interrupção, mas são coisas que acontecem. De fato, a gente não sabe como ajudar. Enfim, os funcionários do hospital já estão ajudando e recebendo esse paciente que, provavelmente, está com sintomas graves”, complementou a repórter.

Simone aceitou o pedido de desculpas da colega, enquanto Luize completou: “[O paciente está] passando mal, muito provavelmente. A gente não sabe o que ele está sentindo, mas a família pedindo socorro e imediatamente a gente já percebeu a equipe médica e de enfermagem encaminhando para emergência”.

Últimas notícias