Veja os livros que inspiram a trama de Bom Sucesso, novo hit da Globo

Novela protagonizada por Grazi Massafera e Antonio Fagundes tem o mundo da literatura como pano de fundo

Victor Pollak/TV Globo/DivulgaçãoVictor Pollak/TV Globo/Divulgação

atualizado 20/09/2019 18:58

Bom Sucesso, novela das 7 da Rede Globo e sucesso na faixa de horário, tem chamado a atenção do público por ter a literatura como pano de fundo. Os personagens principais, a costureira Paloma (Grazi Massafera) e o editor Alberto (Antonio Fagundes), vivem conversando sobre livros e autores de épocas variadas, com predileção por clássicos brasileiros e internacionais.

Outro dia, um papo entre os dois sobre Dom Casmurro acabou impulsionando debate on-line sobre o clássico de Machado de Assis no Twitter – o título da obra parou nos Trending Topics, relação dos assuntos mais comentados na rede social. No site do Gshow, Fagundes comanda uma espécie de extensão da novela: um podcast sobre literatura.

Victor Pollak/TV Globo/Divulgação
Os livros da editora Prado Monteiro: edição especial para a novela

O próprio folhetim, escrito por Rosane Svartman e Paul Halm, é inspirado em livro: A Morte É um Dia que Vale a Pena Viver (2017), não ficção de Ana Claudia Quintana Arantes.

A literatura também se faz presente na cenografia de Bom Sucesso. Capas de vários títulos em domínio público, como As Mil e uma Noites e Alice no País das Maravilhas, foram criadas para o acervo da editora Prado Monteiro, chefiada por Alberto.

Alguns dos principais livros citados em Bom Sucesso:

Últimas notícias