Topíssima: saiba quem é quem na nova novela da Record

Trama de Cristianne Fridman estreia nesta terça (21/05/2019) e vai girar em torno de uma paixão improvável

Blad Meneghel/Record/DivulgaçãoBlad Meneghel/Record/Divulgação

atualizado 21/05/2019 12:24

Uma novela contemporânea que mergulha no universo feminino e traz à tona os conflitos da mulher moderna: trabalho ou vida amorosa, independência ou solidão, maternidade ou carreira, envelhecimento ou estética? Esses são os temas de Topíssima, novela que estreia na Record nesta terça-feira (21/05/2019), às 19h45.

Além de questões relacionadas ao universo feminino, a trama – estrelada por Camila Rodrigues e Felipe Cunha, e escrita por Cristianne Fridman – vai mostrar uma investigação policial cheia de reviravoltas envolvendo os protagonistas.

A milionária, o taxista e o jogo de “gato e rato”
A trama tem início quando a rica e vaidosa Lara Alencar (Cristiana Oliveira) vai ao encontro de sua filha, Sophia (Camila Rodrigues), que vive em um luxuoso hotel, para obrigá-la a assinar um documento impondo a condição de a jovem se casar no prazo de um ano. Caso contrário, ela vai perder a presidência do Grupo Alencar, uma grande rede de universidades. A moça reage com fúria, pois ama seu trabalho e não quer ser chantageada, muito menos para se casar. Porém, Sophia cede, assina e esbraveja contra tudo e todos.

Perto dali, no morro do Vidigal, Antonio (Felipe Cunha) sofre uma das maiores decepções de sua vida: é abandonado pela noiva no dia do casamento. Apesar das tentativas da família de consolá-lo, ele resolve sair e espairecer. Então, desce o morro em seu táxi, enquanto Sophia, que mora no hotel em frente ao Vidigal, também pega a mesma estrada.

Resultado: os dois acabam se envolvendo em um leve acidente de trânsito. O que poderia ser um evento sem muita importância se torna o primeiro de muitos “choques” entre os dois, que, a partir desse momento, passam a viver em constante pé de guerra.

Criminosos acima de qualquer suspeita
Paralelamente ao conflito de Sophia e Antonio, mortes por todo o Brasil têm como causa uma nova droga, a “Veludo Azul”. Isso chama atenção da Polícia, que monta uma operação especial para localizar e desbaratar a quadrilha que está fabricando e traficando o entorpecente.

Como as primeiras mortes se deram no Rio de Janeiro, é na cidade que os policiais montam o seu QG e dão início à Operação Veludo Azul, comandada pelo delegado André (Sidney Sampaio), profissional competente e sério que ignora o fato de um de seus subordinados, o policial Pedro (Felipe Cardoso), ser um dos traficantes da droga juntamente com o importante reitor do Grupo Alencar, Paulo Roberto (Floriano Peixoto), e o químico norte-americano Taylor (Emílio Orciollo Netto).

Os três criminosos estão acima de qualquer suspeita e usam seu poder e acesso privilegiado às informações para tentar incriminar Sophia e Antonio, que se veem obrigados a se defender de falsas acusações e perseguições, além de aprender a lidar um com o outro.

Quem é quem em Topíssima:

Últimas notícias