Boninho denuncia venda de vagas no BBB22 por R$ 250: “Triste”

Em seus Stories do Instagram, Boninho compartilhou o print de uma contra atribuída a um homem chamado Claudemir

atualizado 14/10/2021 19:28

boninho no limite instagramReprodução/Instagram

Diretor do Big Brother Brasil, Boninho denunciou a venda de vagas para entrar na próxima edição do reality show, prevista para ir ao ar em janeiro de 2022.

Em seus Stories do Instagram, Boninho compartilhou o print de uma contra atribuída a um homem chamado Claudemir. Ele seria o responsável por vender vagas no reality show.

Publicidade do parceiro Metrópoles 1
Publicidade do parceiro Metrópoles 2
Publicidade do parceiro Metrópoles 3
Publicidade do parceiro Metrópoles 4
0

O diretor também mostrou o print de uma conversa no WhatsApp de Claudemir com uma pessoa, no qual ele diz que consegue colocar o interessado em uma entrevista presencial para entrar no reality “direto”, sem precisar fazer a inscrição.

“A taxa de inscrição para o presencial é de 250 reais. Abrimos hoje, que nos foi dada 10 vagas pelo diretor do ‘BBB’. Abrimos agora às 16h. Já foram quatro inscrições, temos seis [vagas]”, alega Claudemir.

Boninho afirmou ser triste o fato de estarem “vendendo entrevistas”, e pediu que o público tome cuidado para não cair nessa roubada.

As inscrições para o BBB22 foram encerradas em setembro e, à exceção dos famosos do time “camarote”, a forma de entrar no programa da Globo é através de inscrições. Nunca, porém, é cobrado algum valor para tentar a chance de entrar na competição pelo prêmio de R$ 1,5 milhão.

Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesfamosos 

Mais lidas
Últimas notícias