Nego do Borel é encontrado pela polícia em motel no Rio

Cantor estava com duas mulheres, segundo a polícia, mas assessoria disse que funkeiro estava sozinho. Mãe registrou o desaparecimento

atualizado 05/10/2021 14:10

Nego do Borel estava "fora de si" antes de desaparecer, disse tia do cantorReprodução/Instagram

Rio de Janeiro – Policiais da Delegacia de Descoberta de Paradeiros  (DDPA) encontraram o cantor Leno Maycon Viana Gomes, o Nego do Borel, de 29 anos, na manhã desta terça-feira (5/10). Segundo a polícia, o funkeiro estava em um motel com duas mulheres em Vila Isabel, zona norte do Rio de Janeiro.

No entanto, a assessoria de imprensa do cantor negou e afirmou que ele estava sozinho no Hotel Corinto. O funkeiro já chegou para prestar depoimento na unidade, localizada na Cidade da Polícia, no Jacarezinho. Conforme a polícia, o artista havia dado entrada no motel há cerca de 12 horas.

Na tarde de segunda-feira, a mãe dele, Roseli Viana Pereira, registrou um boletim de ocorrência sobre o desaparecimento do filho. Nesta manhã de terça, Roseli compareceu na DDPA para detalhar as circunstâncias que envolviam o desaparecimento do funkeiro. Segundo a mãe, o cantor saiu da casa onde mora, no Recreio dos Bandeirantes, sem indicar para onde iria.

0

O desaparecimento do artista foi registrado pela mãe dele na delegacia 42ª DP (Recreio dos Bandeirantes). O funkeiro estava deprimido por ter sido expulso do programa A Fazenda 13 sob a acusação de estupro. A mãe do artista também está na delegacia.

Mobilização da polícia

Desde que a mãe do cantor registrou o desaparecimento, a polícia se mobilizou para encontrá-lo. Os investigadores da DDPA chegaram a fazer buscas em possíveis locais em que o cantor possa estar, assim como agentes das delegacias do Recreio e de Mangaratiba, que caçaram o funkeiro em Itacuruçá, na Costa Verde, onde o cantor mantém uma lancha.

No local, os policiais foram avisados por funcionários que a embarcação que o cantor não costuma ficar ancorada por lá. A busca ainda prosseguiu em outra marina da região, no Iate Clube de Itacuruçá. De acordo com a colunista Fábia Oliveira, do Jornal O DIA, o funkeiro foi visto em Itacuruçá, durante a tarde desta segunda (4/10).

Há quatro dias, Nego do Borel postou em redes sociais que estava cansado de polêmicas e que iria “morar com os peixes”. A marina local foi vasculhada pela polícia na manhã desta terça-feira (5/10).

Segundo a mãe, o cantor vinha apresentando comportamento depressivo e chegou a ligar para amigos para se despedir. Isso vem acontecendo desde que foi expulso do programa A Fazenda 13 e está sendo investigado pela Polícia Civil de São Paulo por suspeita de “estupro de vulnerável”, no caso, sua ex-colega de confinamento, Dayane Mello.

Mais lidas
Últimas notícias