Lollapalooza lamenta morte de Taylor Hawkins. Turnê está cancelada

Baterista morreu na Colômbia, ainda sem causa anunciada. Foo Fighters faria show no domingo durante o festival Lollapalooza

atualizado 26/03/2022 7:24

Taylor Hawkins, baterista do Foo Fighters, foi encontrado morto em um hotel na ColômbiaTwitter/Reprodução

O festival Lollapalooza divulgou em redes sociais uma nota de pesar pela morte de Taylor Hawkins, baterista da banda Foo Fighters. Oficialmente, o show do grupo, que seria no domingo (27/3), não foi cancelado, mas apuração da Folha de S.Paulo confirma que a apresentação não vai mais acontecer. Nota do festival onde eles se apresentaria na Colômbia também informa que toda a turnê pela América do Sul está cancelada.

“Estamos absolutamente devastados pela perda do nosso amigo Taylor Hawkins”, diz a nota do Lollapalooza.

Confira o post:

O corpo de Hawkins, de 50 anos, foi encontrado em um hotel de Bogotá, na Colômbia, na noite de sexta-feira (25/3). O Foo Fighters faria um show no Picnic Stereo Festival, no país. O próprio evento publicou nota afirmando que o tour da banda pela América do Sul, o que inclui o Lollapalooza, está cancelado.

A Polícia Nacional de Bogotá afirmou que a causa da morte do baterista “ainda não foi estabelecida”.

A morte do músico, nascido no Texas, teve a confirmação nas redes sociais da própria banda. “A família Foo Fighters está devastada pela trágica e prematura perda de nosso amado Taylor Hawkins”, publicou o grupo no Twitter.

Taylor Hawkins entrou no Foo Fighters em 1997, depois de desentendimentos entre o líder Dave Grohl e o baterista à época, William Goldsmith. Era o segundo disco da banda e Grohl, ex-baterista do Nirvana, trocou todas as participações de Goldsmith pelas batidas de Hawkins.

Antes, Hawkins trabalhava com Alanis Morissette. O baterista era casado com Alison Hawkins desde 2005. Os dois tiveram três filhos: Shane, Annabelle e Everleigh.

Mais lidas
Últimas notícias