Documentário Candango — Memórias do Festival estreia no streaming

Premiado em mostras nacionais e internacionais, filme do diretor Lino Meireles entrou para o catálogo da XBPIX, plataforma sob demanda

atualizado 26/07/2021 11:49

Cenas de Candango - Memórias do FestivalReprodução

Após trilhar caminho bem-sucedido em mostras nacionais e internacionais, o filme Candango — Memórias do Festival, a partir desta terça-feira (27/7), vai integrar o catálogo fixo da XBPIX, nova plataforma de streaming no formato sob demanda. No serviço, o assinante tem uma janela de cinco dias para assistir ao título locado (três a mais do que na Now e iTunes, por exemplo) e consegue ganhar dinheiro compartilhando as produções nas redes sociais (veja como abaixo).

Do diretor brasiliense Lino Meireles, o documentário resgata a memória afetiva do Festival de Brasília e transmite a relevância do cinema brasiliense no cenário nacional. Atores, diretores, organizadores e outros artistas relatam suas experiências e revelam os bastidores dos mais de 50 anos da relação entre a capital federal e a sétima arte. “Uma história de resistência, tão importante como a do Festival de Brasília, merece ser assistida”, afirma o cineasta.

Para Lino Meireles, o streaming é um braço forte do mercado cinematográfico, em especial, o brasileiro, que seguia ignorado pelas principais salas de projeção. “Para voltar ao Festival de Brasília, os filmes que eu assistia lá, na década passada, eram exibidos e depois sumiam. Não passavam no circuito comercial nem eram vendidos no mercado de DVDs. Hoje, as plataformas têm produções nacionais de todos os tipos. O grande gargalo que impedia o público de acessar o cinema nacional, o da distribuição, se alargou. Nunca tivemos tantos filmes brasileiros disponíveis para assistirmos”, comemora Lino.

Lino Meireles
Lino Meireles é diretor e produtor de cinema

Lino considera, ainda, que o streaming está consolidado e reconhecido pelos profissionais do audiovisual do mundo. “De modo objetivo, essas plataformas já estrearam filmes de arte e blockbusters, passaram por festivais prestigiados e ganharam Oscar. E, de modo subjetivo, considero que já produziram obras maravilhosas, como Roma, do Cuáron, e O Irlandês, de Scorsese. É melhor ter streaming e estes filmes existirem do que eles não existirem, apesar de que o melhor lugar para se ver um filme sempre será a sala de cinema”, explica o brasiliense.

Candango — Memórias do Festival está disponível no XBPix por R$9,90
Monetização

Assim como os aplicativos de vídeos como TikTok e Kwai, a plataforma une a estratégia do engajamento com retorno financeiro para conquistar o gosto dos assinantes. Dependendo do número de novos aluguéis conseguidos, o assinante pode ganhar chegar a ganhar 35% da receita líquida de cada aluguel subsequente.

“A plataforma reúne o conceito de marketing de afiliados e a plataforma de streaming. O cinema cresceu e se desenvolveu do boca-a-boca e a gente aposta as fichas na recomendação que é a essencial dessa relação do cinema”, explica o produtor e idealizador Marcus Ligocki Jr.

A XBPIX disponibiliza três opções de serviços de compensação: um grátis e outros dois pagos. Cada plano funciona através de um sistema de pontos (100 por cada aluguel conseguido), quanto mais pontos conquistados maior a remuneração. Além disso, os planos pagos possuem benefícios como descontos em aluguéis e uma variedade maior de opções para compartilhamento dos filmes, que podem ajudar a gerar um maior engajamento.

“Uma rede social aonde espectadores e produtores ganham, é o lugar perfeito”, conclui Lino.

A locação de Candango — Memórias do Festival tem valor de R$ 9,90 na XBPIX. Para assistir, clique aqui.

Últimas notícias