BBB20: comissária de bordo acusa Pyong Lee de chantagem

Depois da festa onde o youtuber tentou beijar Marcela e assediou Flayslane, vários relatos sobre o comportamento dele foram divulgados

Globo/ReproduçãoGlobo/Reprodução

atualizado 10/02/2020 17:56

A comissária de bordo Débora Welker usou suas redes sociais, nesse domingo (09/02/2020), para acusar o hipnólogo e participante do Big Brother Brasil 2020, Pyong Lee, de chantagem. Depois da festa desse fim de semana, onde o youtuber tentou beijar Marcela e assediou Flayslane, vários relatos de comportamentos duvidosos dele foram divulgados.

Débora relata em seu Instagram que conheceu o coreano em uma festa e eles chegaram a se envolver. “Eu conheci esse bosta numa festa e a gente ficou. Ele foi todo querido, disse que queria namorar sério, e eu trouxa cai no papo dele. Ele falou que era solteiro. Depois que a gente tinha ficado ele falou assim: ‘Acho que está na hora de eu te falar uma coisa, tenho namorada na verdade’. Eu falei: ‘O que? Por que você não me falou isso antes’. Aí ele: ‘Mas a gente vai continuar ficando’. […] Enfim, não fiquei mais com ele. Passou uns dois meses e eu fui numa festa, conheci outro menino e a gente ficou. E ele me disse que estava com um amigo. O amigo vindo? Quem era? Sim, ele. A gente fingiu que não se conhecia e ele esperou o menino ir no banheiro. Pedi a ele para não contar para o amigo que a gente já tinha ficado, já que não tinha sido nada de mais. Ai ele: ‘É, eu não vou falar, mas você vai ter que continuar ficando comigo. Ele me chantageou para eu continuar saindo com ele'”, conta a comissária.

BBB20: “Eu preciso ficar sozinha”, diz Gabi após DR com Guilherme
Mateus Solano volta às novelas da Globo como protagonista

Ela ainda comentou sobre o caráter do brother: “Ele não é uma pessoa sem caráter só para relacionamento e traição. Ele é uma pessoa extremamente arrogante, que humilha os outros. Sabe aquele tipo de pessoa que trata o garçom mal? Ele é mentiroso, falso. Só que ele é inteligente, então é extremamente manipulador. É um ator nato. Não tem caráter. Humilha as pessoas, arrogante. Se acha porque tem dinheiro. Se acha o famosão. É insuportável.”

A coluna do jornalista Léo Dias entrou em contado com a assessoria do youtuber que deu o seguinte posicionamento por mensagens:

A gente tem visto alguns ataques à reputação do Pyong, principalmente desde o ocorrido na festa do último sábado na casa – evento pelo qual ele se desculpou pelos excessos, tanto com os participantes do programa quanto com a esposa, família e todo público aqui fora. Nosso ponto é que o Pyong, por estar confinado no BBB20, infelizmente não pode se defender pessoalmente. O que facilita o surgimento de acusações e acusadores. Principalmente por ser um programa de muita audiência.

Mas nós conhecemos ele e a família profundamente, a ponto de sinceramente acreditarmos que esse episódio não é condizente com a personalidade e caráter do Pyong Lee. Quando esses assuntos aparecem, nos chamam a atenção. E a gente faz questão de apurar com a família, amigos, gente do convívio diário do Pyong, até para evitar sermos surpreendidos por qualquer desdobramento.

Especificamente sobre o caso em questão, vale ressaltar que o Pyong é uma figura pública já há alguns anos – desde antes de entrar no programa. E esse assunto só surgiu agora, sendo que a alegação é que o episódio tem 4 anos. Lamentavelmente, o Pyong só poderá se manifestar sobre quando sair da casa do BBB. O que a gente espera que seja só após a final.

Últimas notícias