*
 

O adolescente de 15 anos acusado de participar do latrocínio da servidora do Ministério da Cultura (MinC) Maria Vanessa Veiga Esteves, 55 anos, já havia sido apreendido diversas vezes, segundo a Polícia Militar. De acordo com a corporação, o jovem, detido na noite desta quarta-feira (9/8) pelo crime cometido na terça (8), já tinha passagens pela polícia, uma delas por roubo.

A PM afirma que a última apreensão dele ocorreu em 28 de julho, na 306 Norte. Com outro adolescente de 15 anos, o rapaz teria a intenção de assaltar pedestres na região, segundo a corporação. No entanto, foi detido e encaminhado à Delegacia da Criança e do Adolescente I (Asa Norte).

Na noite desta quarta (9), o menor foi apreendido em uma quitinete na 208 Norte, com o outro suspeito de participação no crime, Alecsandro de Lima Dias, 26 anos. No dia anterior, os dois abordaram a jornalista Maria Vanessa Veiga Esteves no térreo do prédio onde ela morava. Após o assalto, ela foi esfaqueada e morreu no local.

Segundo a Polícia Civil, a dupla costumava roubar cartões de crédito de moradores e frequentadores da Asa Norte. O delegado responsável pelo caso, Laércio Rossetto, indicou que o adolescente não sentiu remorso pelo crime: “É revoltante por que mataram essa mulher. Ele disse: ‘Hoje estou a fim de matar alguém’”, afirmou.

O dono do imóvel também foi preso. Glauber Barbosa da Costa tem 42 anos e, segundo o Portal da Transparência do governo federal, trabalhou no Ministério da Cultura de 2010 a 2015.

 

 

COMENTE

latrocínioPMDFadolescente#Apreensões
comunicar erro à redação