Vacinação contra Influenza alcança 93% do público-alvo do DF

Segundo secretário de Saúde do DF, foram mais de 190 mil idosos e profissionais de saúde vacinados

atualizado 27/03/2020 17:16

Em cinco dias, o Distrito Federal obteve cobertura de 93% do público- alvo na campanha de vacinação contra a gripe Influenza e H1N1.

Segundo balanço divulgado pela Secretaria de Saúde do Distrito Federal (SES-DF), na tarde desta sexta-feira (27/03), foram mais de 190 mil idosos e profissionais de saúde vacinados.

Em entrevista coletiva, o secretário Francisco Araújo afirmou que a capital recebeu 316 mil doses. “Tem estoque de vacina ainda”, reforçou.

Ainda segundo Araújo, não será mais adotada, a partir da próxima semana, a ordem alfabética para vacinação. “A campanha continua. A partir da semana que vem, vamos desativar o drive-thru, que foi usado apenas para vacinar os idosos que são do grupo de risco”, pontuou o chefe da pasta.

“Nunca houve uma cobertura tão ampla na aplicação de vacinas. Não há necessidade de aflição, até por que é importante lembrar que a vacina não é contra coronavírus”, continuou.

O secretário adjunto de Saúde, Ricardo Tavares, reforçou a importância de os brasilienses se manterem em isolamento e saírem apenas para se vacinar. “Fiquem em casa, que a gente está lutando e trabalhando por vocês”, reforçou.

A pasta aproveitou o encontro para divulgar como funcionará o calendário da campanha de vacinação.

Confira:

  • 1ª fase (início em 23 de março): foram vacinados idosos e profissionais de saúde;
  • 2ª fase (início em 16 de abril): serão vacinados professores de escolas públicas e privadas; profissionais de segurança e pessoas com doença crônica;
  • 3ª fase (início em 9 de maio): serão vacinadas crianças de 6 meses a 6 anos; puérperas; gestantes; indígenas; população carcerária; trabalhadores do sistema prisional e adultos com idades entre 55 a 59 anos.
Últimas notícias