*
 

A proposta de manifesto de um grupo dentro do PDT-DF provocou discórdia na legenda, nesta segunda-feira (25/6). Por WhatsApp, os integrantes do partido e possíveis candidatos às eleições de 2018 discutiam um texto para ser aprovado e divulgado amplamente. No entanto, na primeira versão, antes de ser validada, a mensagem vazou para a Executiva e foi reprovada.

Com o título Proposta de Manifesto por Brasília, o texto expunha a insatisfação de parte do PDT-DF com a proposta de aliança com o pré-candidato ao Palácio do Buriti Jofran Frejat (PR) e afirmava que a legenda não poderia burlar compromissos históricos do partido. A nota defendia ainda que o PDT lance candidatura própria.

A intenção de pressionar Joe Valle, deputado distrital e presidente da Câmara Legislativa, foi frustrada. Conforme a Executiva afirmou, o PDT tem representantes eleitos democraticamente e Valle dará o veredito dele acerca do caminho que pretende seguir até 30 de junho. Ainda de acordo com o diretório, uma aliança com Jofran Frejat não está descartada.

O grupo responsável pelo início da elaboração da nota afirmou que ainda divulgará um documento oficial. O fato é que as divergências expõem os problemas internos do PDT. Parte da legenda quer definir logo a situação e defende candidatura própria para que Ciro Gomes, pré-candidato à Presidência da República, tenha palanque em Brasília. Outro lado deseja seguir os passos de Joe Valle e o que ele decidir.

Confira a nota não oficial que vazou:

* Proposta de Manifesto por Brasília do amanhã*

O grupo PDT, visão democrática vem a público manifestar seu mais veemente repúdio à proposta de aliança do PDT com o pré-candidato Jofran Frejat.

O PDT não pode servir de fachada para ocultar aos eleitores do DF os demais aliados da chapa Frejat (José Roberto Arruda, Alberto Fraga, Tadeu Filippelli, Valdemar Costa Neto etc.).

Diante dos compromissos históricos do partido, da necessidade de viabilizarmos um palanque forte para o candidato Ciro Gomes e da falta de candidaturas mais competitivas dentro do espectro da centro-esquerda, consideramos fundamental que o PDT lance candidatura própria.

#BrizolaVive