Passageiro de aplicativo de transporte é preso com armas e drogas

Na tarde deste domingo, a Polícia Militar ordenou a parada do kwid branco, com quatro ocupantes em atitude suspeita, em Ceilândia

Michael Melo/MetrópolesMichael Melo/Metrópoles

atualizado 19/08/2019 10:12

Um homem, de 18 anos, foi preso após se declarar dono de arma e drogas encontradas dentro de um aplicativo de transporte individual por volta das 15h50 deste domingo (18/08/2019), em Ceilândia. Responsável pela prisão, a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) disse que o passageiro chegou a pedir para o motorista do aplicativo “acelerar um pouco” antes da abordagem, no Conjunto A da QNM 10.

Policiais do 8º Batalhão pararam o kwid branco, com quatro ocupantes, após identificarem “atitude suspeita”. O condutor do automóvel, segundo a PMDF, atendeu a ordem rapidamente e se identificou como profissional de aplicativo.

Durantes as buscas, foram encontrados um revólver calibre .32 com munição intacta e porção de cocaína, além de duas garrafas com entorpecente conhecido como loló.

De acordo com a PM, o jovem preso foi alvo de ocorrência policial por ato infracional análogo ao crime de tráfico de drogas quando ainda era menor de idade. Os outros envolvidos também foram levados para a 15ª Delegacia de Polícia (Ceilândia Centro).

Reprodução/PMDF
O passageiro se declarou dono de arma, porção de cocaína e duas garrafas com loló encontrados no veículo

Últimas notícias