Morre, aos 94 anos, médico pediatra Doutor Lisboa

Médico chegou ao DF em 1967 para dar aulas na UnB. Em Brasília, fundou a Sociedade de Pediatria

atualizado 16/06/2021 7:38

João Gabriel Baía Meneghit

Morreu, na madrugada deste domingo (13/6), aos 94 anos, o pediatra Antonio Márcio Junqueira Lisboa. Conhecido dos brasilienses e respeitado na comunidade pediátrica, o médico desembarcou na capital em 1967, quando fundou o Centro de Estudos Perinatais do Planalto Central. As causas da morte não foram divulgadas.

Nascido em Leopoldina (MG), Doutor Lisboa, como era conhecido, formou-se em medicina na Universidade do Brasil, tendo concluído o curso em 1950. Era interno oficial da 5ª Cadeira de Clínica Médica e Acadêmico da Secretaria de Saúde do Distrito Federal.

Em 1951, passou em 1º lugar no concurso para médico da Aeronáutica e estagiou no Walter Reed Hospital, Washington.

Chegou ao Distrito Federal em 1967 para lecionar na Faculdade de Ciências da Saúde (FCS) da Universidade de Brasília (UnB), onde  ministrou aulas de pediatria e chefiou a FCS, além dos departamentos de Medicina Integral e de Medicina Geral e Comunitária.

No mesmo ano, fundou e presidiu o Centro de Estudos Perinatais do Planalto Central. Em 1968, fundou a Sociedade de Pediatria de Brasília.

Em nota, o Conselho Regional de Medicina do Distrito Federal (CRM-DF) lamentou a morte de Lisboa. A entidade ressaltou a importância de seu trabalho para a comunidade médica.

“O profissional foi um dos fundadores da Faculdade de Medicina de Brasília e é reconhecido nacional e internacionalmente. Em seu currículo, constam diversos prêmios, certificados e mais de 15 livros publicados. O CRM-DF agradece por todo o trabalho do Dr. Antonio Márcio Lisboa na medicina do Distrito Federal”.

O governador do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), também emitiu uma nota de pesar sobre o falecimento de Lisboa:

“NOTA DE PESAR

Domingo, 13 de junho de 2021

Dr. Lisboa, que morreu hoje aos 94 anos, é um símbolo da crença na consolidação da nova capital do Brasil. Ele acreditou que Brasília pudesse guiar um novo Brasil, deixou uma carreira de muito sucesso no Rio de Janeiro. 

E veio para a nova capital fundar a Faculdade de Medicina da Universidade de Brasília. A cidade deve a ele a formação de centenas de médicos e o cuidado com incontáveis crianças brasilienses, como pediatra.

Agradeço a dedicação do dr. Lisboa, e acredito que falo em nome de todo o Distrito Federal, esperando que seu exemplo continue iluminando nossos profissionais de saúde.

Ibaneis Rocha 

Governador do Distrito Federal”

Mais lidas
Últimas notícias