*
 

Falta pouco para os moradores do Condomínio Vivendas Lago Azul (foto em destaque), em Sobradinho, tornarem-se donos dos terrenos onde moram há mais de 20 anos. A Secretaria do Patrimônio da União (SPU), do Ministério do Planejamento, Desenvolvimento e Gestão, divulgou que pretende finalizar o processo de venda direta em agosto deste ano.

Ao todo, estão sendo avaliados os valores dos 164 lotes em terras da União já registrados em cartório. Caberá à Caixa Econômica Federal definir quanto os moradores terão de desembolsar para regularizar os terrenos. A previsão é de que a venda direta comece na segunda quinzena de julho, possibilitando a conclusão de todo o processo de legalização até o fim do mês seguinte.

O primeiro passo para a regularização foi dado em setembro de 2017, com a assinatura de um acordo de cooperação técnica entre os moradores e a SPU. Depois, houve o cadastramento dos ocupantes dos terrenos, o desmembramento da inscrição de ocupação e o registro individualizado dos lotes na Secretaria de Patrimônio da União. Neste ano, em 15 de junho, foi assinado o contrato com a Caixa – responsável pela avaliação dos lotes.

O segundo condomínio a ser regularizado é o Vivendas Bela Vista, também localizado na região do Grande Colorado, em Sobradinho. Em fevereiro, foi assinado o acordo de cooperação técnica com a Associação dos Moradores do loteamento para viabilizar a venda dos terrenos aos 727 ocupantes. (Com informações da assessoria da SPU)