Indígenas começam a deixar acampamento em Brasília neste sábado (11/9)

Os indígenas de 172 etnias estavam na capital do país desde 24 de agosto, para acompanhar julgamento no STF

atualizado 11/09/2021 20:44

Hugo Barreto/Metrópoles

Mais de cinco mil indígenas começam a deixar, neste sábado (11/9), o acampamento que montaram em Brasília. Os integrantes de 172 etnias saem do espaço na Funarte e voltam para suas terras de origem.

Segundo o G1, o motivo do retorno das delegações é a falta de recursos financeiros e de segurança sanitária para que os indígenas permaneçam no local por mais tempo.

O grupo estava na capital do país desde 24 de agosto. Eles acamparam em Brasília para acompanhar o julgamento do marco temporal para a demarcação de terras, no Supremo Tribunal Federal (STF). As lideranças pretendem se organizar para acompanhar as votações, previstas para serem retomadas na próxima quarta-feira (15/9).

Milhares de participantes fizeram, na sexta-feira (10/9), a 2ª Marcha Nacional das Mulheres Indígenas, na região central de Brasília. Levando faixas e cartazes, as mulheres pediram a defesa dos direitos indígenas. Além disso, a manifestação é contrária ao governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) e ao chamado marco temporal.

Últimas notícias